Gabriel - Grêmio x Corinthians

Gabriel levou o segundo amarelo contra o Grêmio, já Tiago Nunes foi expulso (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)

LANCE!
16/08/2020
17:19
São Paulo (SP)

Após o empate em 0 a 0 com o Grêmio, fora de casa, no último sábado, o Corinthians já começa a pensar em sua próxima partida, válida pela quarta rodada do Brasileirão-2020. Para o jogo desta quarta-feira, diante do Coritiba, na Arena, o time não poderá contar com o suspenso Tiago Nunes no banco de reservas, além disso, já precisará ficar de olho para não perder Gabriel.

No duelo com o Tricolor gaúcho, em Porto Alegre, o Timão foi advertido com três cartões amarelos: um para Gil, por reclamação, outro para Léo Natel, por cometer falta e para Gabriel, também por infração. Foi a segunda vez que o volante levou amarelo em duas rodadas disputadas até aqui, ou seja, ele já está pendurado e se receber outro cartão estará suspenso para a quinta rodada.

Mas as advertências não pararam por aí, já que o técnico Tiago Nunes foi expulso com vermelho direto por ter reclamado do pênalti de Michel Macedo em cima de Diego Souza, que foi marcado com a ajuda do VAR. Após deixar o jogo seguir, o árbitro foi chamado para analisar as imagens do lance e assinalou a penalidade. Irritando jogadores e comissão técnica do Alvinegro.

Na súmula, o árbitro afirmou que decidiu expulsar o técnico corintiano, pois teve sua mãe xingada assim que deixou a área de revisão do VAR.

- Por após, este árbitro, estar saindo da área de revisão, ter sido ofendido
pelo supracitado treinador do Corinthians, com a seguinte frase: "filho da p***!" - diz o texto registrado por Bruno Arleu no documento da CBF.

Segundo Tiago Nunes, em entrevista após a partida, a reclamação se deu pela falta de critério na marcação das faltas,  já que, em lance semelhante, de Kannemann em Jô, a arbitragem não viu pênalti e não houve revisão do VAR. Além disso, o comandante negou que tenha sido ele o autor do xingamento.

- Depois ele (árbitro) já perturbado dentro de campo acabou ouvindo algum fantasma xingar ele. O pessoal xingou do banco e acabou sobrando pra mim.

Com o cartão vermelho, Tiago Nunes está suspenso e, assim, não poderá dirigir o time do banco de reservas na próxima quarta-feira, diante do Coritiba, na Arena Corinthians, às 21h30, pela quarta rodada do Brasileirão-2020.