Protesto Camisa 12 - CT Corinthians

Camisa 12 foi até a porta do CT Joaquim Grava para se manifestar (Foto: Reprodução/Twitter Camisa 12)

LANCE!
12/09/2020
13:22
São Paulo (SP)

A má fase do Corinthians dentro de campo continua provocando reação dos torcedores insatisfeitos com o momento do time. Dessa vez foi a Camisa 12, uma das organizadas do Timão, que decidiu ir até a porta do CT Joaquim Grava para protestar contra o elenco e a diretoria pelos maus resultados em 2020.

O grupo de torcedores foi até o lado de fora do centro de treinamento corintiano portando bandeirões e faixas. Já no local, entoaram cânticos de protestos e pediram mais garra e melhores resultados aos jogadores, que naquele momento treinavam de olho no duelo com o Fluminense.

Em post no perfil da Camisa 12 no Twiiter, a organizada publicou fotos da manifestação e explicou o que reivindica mais raça, brio, coragem e determinação, algo que sempre esteve presente na história do clube e que, para eles, atualmente, não existe. Mesmo assim, prometeram continuar apoiando a equipe e fiscalizando para contribuir com essa melhora.

- A história do clube foi construída com raça, brio e um explícito comportamento de CORAGEM e DETERMINAÇÃO, características que, infelizmente, não vemos recentemente dentro de campo. Continuaremos torcendo, apoiando e fiscalizando o Corinthians visando o seu fortalecimento - diz o texto publicado pela torcida nesta manhã.

Na última quinta-feira, após a derrota por 2 a 0 para o Palmeiras, na Neo Química Arena, a Gaviões da Fiel foi até a porta do estádio para se manifestar criticando, jogadores, diretoria e a comissão técnica. Até mesmo ídolos como Cássio e Fagner foram xingados. Tiago Nunes, que teve sua demissão pedida pela organizada, teve sua saída oficializada pelo clube na última sexta-feira.

Neste domingo, o Corinthians volta a campo para enfrentar o Fluminense, às 16h, no Maracanã, pela décima rodada do Brasileirão-2020. Neste momento, o Timão ocupa a 13ª posição na tabela com nove pontos, apenas um a mais do que o primeiro clube presente na zona de rebaixamento da competição.