LANCE!
29/09/2018
21:14
São Paulo (SP)

Os jogadores do Corinthians deixaram o gramado do Independência, em Belo Horizonte, lamentando bastante o desperdício das oportunidades criadas no jogo contra o América-MG, sobretudo no primeiro tempo. Na visão dos paulistas, o time tinha condições de voltar de Minas Gerais com uma vitória.

- Não fomos eficientes. Infelizmente, não estávamos na nossa noite, No primeiro tempo, demos 14 chutes. No segundo, demos uma caída. Não foi o segundo tempo que a gente queria (referindo-se ao desempenho do sistema ofensivo) - afirmou o meia-atacante Mateus Vital, ainda no gramado do Independência.

De fato, o Corinthians sofreu uma queda brusca de rendimento na etapa final. Depois de chutar 14 vezes ao gol João Ricardo no primeiro tempo, o time do técnico Jair Ventura finalizou apenas uma vez nos 45 minutos finais. Apesar do desequilíbrio nos números, o elenco fez questão de lembrar que conseguiu um ponto fora de casa.

- Pelo nosso jogo, pelo nosso volume, o empate não foi tão agradável. O goleiro deles estava em uma noite inspirada, mas o importante é somar - discursou o zagueiro Léo Santos.

- Achei que produzimos muito bem. O Jair achou um sistema que está dando certo. Fizemos um grande primeiro tempo, mas não fizemos o gol. Estamos no caminho certo - emendou o centroavante Roger, que entrou nos minutos finais da partida.

Na próxima rodada, o Corinthians volta a jogar em sua arena. Na sexta, o Timão encara o Flamengo, adversário que eliminou para chegar à final da Copa do Brasil, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro.