Chapecoense x Corinthians

Aylon marcou o gol da vitória da Chape (Foto: Márcio Cunha/ACF)

Fernanda Teixeira
17/04/2019
23:31
Chapecó (SC)

A Chapecoense levou a melhor no primeiro duelo por uma vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil. O time comandado por Ney Franco venceu o Corinthians por 1 a 0, nesta quarta-feira, na Arena Condá. Aylon marcou o gol do jogo, aos 32 do primeiro tempo. A Chape terá a vantagem do empate no jogo volta, que acontecerá na próxima quarta, em Itaquera. Caso o Timão vença pelo placar mínimo, haverá disputa de pênaltis.

No domingo, o time de Carille briga pelo título paulista com o São Paulo, depois de um empate em 0 a 0, no jogo de ida, no Morumbi. A partida na Arena Corinthians terá torcida única. 

Começo morno
A partida começou em marcha lenta na Arena Condá. As duas equipes se defendiam e esperavam as melhores chances de encaixar um contra-ataque, que nunca vinham. Nos primeiros 15 minutos não houve finalizações. A Chape era um pouco mais organizada e teve a primeira oportunidade clara de gol aos 17. Eduardo deixou Carlos Augusto e Sornoza na saudade pela direita e cruzou para Everaldo cabecear para o chão e obrigar Walter, no lugar do suspenso Cássio, a fazer difícil defesa.

Chape se anima
Na metade final da primeira etapa, os donos da casa se animaram e passaram a pressionar o Corinthians, que seguia sem finalizar. Everaldo e Elicarlos arriscavam para o Verdão do Oeste. O gol ia amadurecendo e finalmente saiu, aos 32. Após cobrança de escanteio, Marllon afastou mal de cabeça e Gustavo Campanharo lançou Aylon que veio de trás e só desviou de Walter para abrir o placar para o time que era melhor em campo. O Timão seguia com dificuldades de criação. A única tentativa de chute a gol em todo o primeiro tempo veio aos 43, em chute de Ramiro travado por Bruno Pacheco.

Em busca do empate
No intervalo, Carille sacou Jadson e Ramiro para lançar Clayson e Ralf. Depois de um susto nos primeiros minutos da segunda etapa, o Timão melhorou e foi em busca do empate. A primeira chance teve dois ex- companheiros de Fluminense como protagonistas. Gum errou a saída de bola e Sornoza chutou de fora da área para a primeira defesa de Vagner. Clayson, muito acionado, comandava e equipe. Carlos Augusto teve nova chance após cobrança de escanteio do equatoriano, que também teve uma chance mas falhou no domínio de bola.

Quarto jogo sem marcar
Nos minutos finais, a Chape se fechou e o Corinthians ensaiou uma pressão na base dos cruzamentos. Em noite pouco inspirada, o time de Carille não atingiu o objetivo de igualar o placar, mesmo com mais posse de bola que o rival. O time paulista chegou à incômoda marca de quatro jogos seguidos sem balançar as redes e sai em desvantagem na briga por uma vaga nas oitavas.

FICHA TÉCNICA
CHAPECOENSE 1 X 0 CORINTHIANS


Data/Hora: 17/04/2019, às 21h30 (de Brasília)
Local: Arena Condá, Chapecó (SC)
Gramado: Bom
Público/Renda: 7758 pagantes/ R$ 245.810,00
Árbitro: Bruno Arleu de Araujo (RJ) Nota L! - 6,5 - Atuação segura, não interferiu no resultado.
Assistentes: Luiz Claudio Regazone (RJ) e Thiago Henrique Farinha (RJ)
Cartões amarelos: Eduardo, Everaldo (CHA); Ramiro, Michel (COR)
Cartão vermelho: Não houve.

Gol: Aylon (32’/1ºT, 1-0)

CHAPECOENSE: Vagner (Tiepo, 34´/2ºT); Eduardo, Gum, Douglas e Bruno Pacheco; Márcio Araújo, Elicarlos (Amaral 25’/2ºT) e Gustavo Campanharo; Aylon, Régis (Augusto, 36’/2ºT) e Everaldo. Técnico: Ney Franco.

CORINTHIANS: Walter; Michel, Marllon, Henrique e Carlos Augusto; Richard, Ramiro (Clayson, intervalo) Sornoza e Jadson (Ralf, intervalo); Vagner Love e Boselli Técnico: Fábio Carille