Willian Bacana

Bacana foi destaque no título da Conmebol de 1993 (Reprodução Facebook)

Vinícius Faustini
10/10/2020
17:24
Rio de Janeiro (RJ)

A solidariedade entrou em campo para ajudar um funcionário muito querido no Botafogo. Ciente de que motorista Mauro Sampaio Alcântara, o "Maurão", está com obesidade mórbida e precisa ser submetido a duas cirurgias para seguir trabalhando em plenas condições no clube, o ex-goleiro alvinegro Willian Bacana está rifando sua faixa do título estadual de 1989 e sua medalha da Copa Conmebol de 1993. Ao LANCE!, Bacana falou sobre a sua iniciativa.

- Maurão é um amigo que fiz no futebol, quando eu era preparador de goleiros da base do Botafogo. É um cara do bem, torcedor fanático pelo Botafogo. Soube que ele estava com obesidade mórbida e isso deslocou sua prótese no joelho. Ele convive com dores, que já afetaram inclusive sua rotina de trabalho - disse.

Além de uma cirurgia bariátrica, o funcionário do Botafogo precisa passar por uma operação para recolocar uma prótese em um de seus joelhos, o que custaria em torno de R$ 50 mil.

Cada número da rifa promovida por Willian Bacana custa R$ 60 e os bilhetes podem ser adquiridos no endereço: https://rifa.link/pnu .

O ex-goleiro detalhou como decidiu rifar a faixa da conquista do Carioca de 1989 e a medalha da Copa Conmebol de 1993 (nesta, na qual foi crucial para o título internacional alvinegro).

- Tentamos inicialmente fazer uma vaquinha online, mas não atingimos o valor que era esperado nestas doações. Por mais que estes bens tenham um valor sentimental muito grande, achei que ia ser por uma boa causa. É um cara que merece muito - declarou. 

Willian Bacana falou que espera que a paixão faça com que torcedores do Glorioso se mobilizem por Maurão.

- A ideia é chamar atenção dos torcedores fanáticos. Têm os colecionadores de camisas, de faixas... - e emendou:

- Como botafoguense, sei que são títulos muito relevantes. Principalmente o do Carioca de 1989, que foi conquistado de maneira invicta, coroando uma geração e dando um fôlego depois de anos consecutivos de dificuldades - completou.


Um jogador do Estadual de 1989 também contribuiu para a divulgação da campanha.

- O Luisinho é um grande amigo, é um jogador muito emblemático, e me ajudou a dar força por esta campanha para que a gente consiga arrecadar a quantia que o Mauro precisa - disse.

Bacana ainda ressalta a idoneidade da rifa. O sorteio será realizado em 5 de dezembro.

- É um sorteio que corre nos moldes da Loteria Federal. Todos terão direito de receber caso a gente não consiga alcançar o valor que pretende. Mas tenho certeza que vamos conseguir e que o ganhador vai tratar a medalha e a faixa com o mesmo carinho que eu trato até hoje - disse.