Atletico-MG x Botafogo

Com emoção. Assim foi o jogo e a fala de Levir após o jogo que levou o Galo de  volta à Libertadores- CORREIA/PHOTO PREMIUM

Valinor Conteúdo
01/12/2018
21:46
Belo Horizonte

Visivelmente emocionado ao término do jogo, o técnico Levir Culpi também falou da forma sofrida que as coisas acontecem para o Atlético-MG. A vitória sobre o Botafogo foi com o placar mínimo e no fim do jogo a classificação quase foi perdida quando Kieza perdeu um gol incrível na área atleticana.

Se o atacante do Fogão marca, a vaga na Libertadores seria perdida, pois o Atlético-PR virou em cima do Flamengo e passaria o Galo na classificação final.

Levir falou aliviado sobre a equipe ter conseguido vencer e ainda garantir-se na sexta colocação, com direito a disputar a fase preliminar da competição sul-americana.

- Todas as vezes acontece algo assim. Não sei quem escreveu isso para a história do clube. As coisas sempre vem com “sofrência”. A vitória veio na hora certa. Agora, podemos pensar na próxima temporada e avaliar com calma o que faremos para o ano que vem, disse.

O treinador alvinegro também demonstrou humildade na hora de comemorar a conquista do Galo para a Libertadores de 2019. Levir dividiu os créditos com Thiago Larghi e diz que “pegou carona” nessa conquista, pois já havia uma base de trabalho no clube e parabenizou o ex-técnico da equipe.

- Eu tô de carona nessa conquista. Fiquei muito feliz, e os parabéns também vão para o Thiago Larghi, que começou o trabalho. Eu fiz as mexidas. Mas fiz o óbvio. Faço questão de dividir isso com a diretoria e com o Thiago e parabenizar todos pelo esforço e a recompensa que veio, finalizou.

Levir Culpi assumiu no Lugar de Thiago Larghi no dia 17 de outubro, quando a equipe estava oscilando no Brasileiro. Seu início foi turbulento, com seis jogos seguidos sem vencer, até a recuperação do time que culminou na classificação para outra disputa continental.