Rodrigo

Rodrigo em ação durante treino do Vasco (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Matheus Babo
17/01/2016
10:00
Pinheiral (RJ)

Capitão do Vasco, Rodrigo tem como principal obrigação evitar que os atacantes adversários tenham chances de marcar diante do Cruz-Maltino. Mas além de desempenhar sua função com sucesso, o zagueiro ainda aparece bem no ataque, marcando gols. O LANCE! fez um levantamento no fim do ano passado, que mostra o jogador como segundo zagueiro que mais marcou gols pelo Vasco desde 1950.

O líder é Dedé, com 19 gols. Rodrigo vem logo em seguida, ao lado de Odvan e Jorge Luiz, com 13. Como os outros já se aposentaram e Rodrigo tem contrato até o fim de 2017, ele precisa de mais seis gols para igualar o defensor que hoje veste a camisa do Cruzeiro. Pesa a favor do atual capitão o fato dele cobrar faltas.

- Fiquei sabendo no ano passado. O Dedé é o primeiro, com 19 gols, mas eu espero passar ele. Esses objetivos, recordes individuais é o que movem. Cada vez que você coloca um objetivo na tua vida, o sucesso vem junto. É uma coisa que tenho na cabeça e espero, quando sair do Vasco, deixar uma história bonita como essa, títulos, algo do tipo - disse Rodrigo.

Rodrigo chegou ao Vasco em 2014, para a disputa da Série B daquele ano. Foram 44 partidas no ano passado. Em 2015, o zagueiro disputou 57 partidas, sendo um dos jogadores que mais entraram em campo pelo clube na temporada. Em julho do ano passado, ele renovou o contrato por mais dois anos. Agora, o vínculo do jogador com o Cruz-Maltino vai até o fim do ano que vem.