icons.title signature.placeholder Luiz Gustavo Moreira
11/03/2014
17:51

Depois do técnico Eduardo Hungaro insistir na necessidade de mais contratações para o setor ofensivo, o Botafogo busca a contratação do atacante Fabrício Carvalho, da Cabofriense. O LANCE!Net apurou que a diretoria alvinegra já teve pelo menos duas conversas com Daniel Pereira, irmão e representante de Fabrício. Nelas, valores e tempo de contrato foram discutidos, deixando o acerto bem encaminhado.

Sob contrato com a equipe de Cabo Frio até 30 de abril de 2014, ele deverá chegar - sem custos - assim que o atual vínculo se encerrar. Com a viagem da delegação alvinegra para o Equador, os contatos foram brevemente interrompidos, mas serão retomados assim que a cúpula do futebol alvinegro retornar ao Brasil.

Com quatro gols marcados no Campeonato Carioca - um deles justamente contra o Alvinegro - o atacante de 36 anos é visto como um bom reserva para o argentino Tanque Ferreyra. Com 1,92m, Fabrício é forte no jogo aéreo, a exemplo do atual camisa 9 do Glorioso.

Experiente, mas na reta final da carreira, Fabrício comentou sobre o interesse em conversa com a reportagem do LANCE!Net e garantiu que trata a possível ida para General Severiano como um "milagre de Deus", após passar por problemas cardíacos em 2005 que quase o fizeram encerrar a carreira.

- Posso dizer que esse interesse é um milagre de Deus. Quando cheguei na Cabofriense, me perguntaram se tinha o sonho de voltar a jogar na elite do futebol brasileiro e garanti que sim. Isso é prova de que meu trabalho aqui está sendo bem feito - comentou Fabrício.

Revelado pelo Andradina, da sua cidade natal, Fabrício se destacou principalmente por Ponte Preta, São Caetano e Goiás. Em 2005, Fabricio se afastou do futebol após uma arritmia cardíaca ser detectada em exames de rotina no Azulão. Ele só voltou aos campos em 2007, após conseguir um laudo de um cardiologista, que lhe permitiu voltar a atuar.