icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
11/12/2013
13:39

Apesar de ser o time da casa, o Raja – atual campeão marroquino –  se desenha como o concorrente mais frágil do torneio. O time não tem cara, não vai bem na liga local nesta temporada (é o oitavo colocado) e demitiu o treinador Fakhir na semana passada. O substituto, o tunisino Faouzi Benzarti, assumiu há dois dias. Irá comandar sem conhecer o seu limitado elenco, que depende dos dois jogadores da seleção local – o zagueiro Oulhaj e o meia Hafidi – além do zagueiro Coulibaly, de Mali.

Por isso, o discurso é que o time irá longe se contar com o apoio da torcida. Mas será que os fãs de Agadir e Marrakesh torcerão para um rival de Casablanca?  No Brasil o Galo teria apoio em massa se jogasse no Rio?

MAIS MUNDIAL:
> Assaf vê Galo com chance de superar favorito Bayern
> Atlético-MG, vivendo um ano especial, está perto do topo
> Bayern de Munique é o supertime a ser batido
> Guangzhou Evergrande pensa grande e sonha com título
> Monterrey ficou muito bom para o Atlético-MG
> Maior clube africano, Al Ahly impõe respeito
> Auckland tem apenas a experiência como trunfo

LISTA:

Goleiros

1 El Had
37 Zaari
61 Askri

Defensores

3 El Hachimi
4 Rahmani
16 Oulhaj
17 Soulaimani
21 Karrouchy
27 Benlamalem
31 Coulibaly

Meias

5 Moutouali
7 Kanda
8 Chtibi
18 Hafidi
24 Mabide
26 Kouchame
28 Guehi
30 Dardouri
99 Erraki

Atacantes

9 Dine
10 Kachani
20 Iajour
25 Salhi

Técnico: Faouzi Benzarti