icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
17/07/2014
09:04

As previsões feitas por Muricy Ramalho quando da contratação de Alan Kardec, no fim de maio, foram confirmadas na vitória do São Paulo sobre o Bahia por 2 a 0 na última quarta-feira. Segundo o técnico, o atacante fez muito mais do que concluir com frieza o segundo - e belo - gol tricolor na Fonte Nova. O camisa 14 mostrou que será pela importante na busca do heptacampeonato brasileiro.

- Ele é um jogador inteligente, aicma da média para entender e fazer a leitura do futebol. Essa é uma coisa que falta aos jogadores brasileiros. Falta entender o que é o futebol. Mesmo jogando enfiado, sai para o lado e volta para marcar. conheço ele muito bem e tem realmente essa disposição - exaltou o treinador são-paulino.

Muricy ainda comparou Alan Kardec ao holandês Dirk Kuyt, que atua no Fenerbahçe (TUR). Mesmo aos 33 anos e com passagens por grandes clubes da Europa, o atacante se destacou na campanha da Holanda na Copa do Mundo por atuar quase como um lateral marcador. Para o técnico tricolor, o pedido de Louis Van Gaal para Kuyt priorizar a marcação seria encarado como invenção se feito no Brasil.

- Aqui tem essa que o jogador reclama de posição, mas na Copa teve esse exemplo do Kuyt, que é atacante e jogou de 'tudo' mesmo aos 30 e poucos anos. É consciência, vontade. Brasileiro é assim, não admitimos muito isso, falamos que o treinador está inventando. Hoje eles têm que jogar em várias, principalmente sem a bola - opinou.


A expectativa, agora, é para ver Alan Kardec atuando ao lado de Luis Fabiano. A dupla ficou em campo por poucos minutos no amistoso com o Orlando City nos Estados Unidos, quando Fabuloso se machucou, mas pode ser reeditada no sábado diante da Chapecoense. Muricy, no entanto, teme que Kardec não tenha condições de entrar no gramado do Morumbi como titular, já que deixou a vitória sobre o Bahia com cãibras.

-  O Kardec saiu esgotado por isso, porque voltou, marcou e fez o pivô. Nós temos que olhar com carinho para todos eles. Temos que ver como o Luis estará também. A contusão dele foi complicada. Tem feito treino físico e amanhã (quinta-feira) fará um com bola, mais intenso. O tempo de recuperação é curto. O piso do campo era muito duro e muita gente sentiu tornozelo e joelho - reclamou.