icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
05/07/2013
23:03

Em busca de reabilitação, o Flamengo encara o Coritiba neste sábado, às 18h30, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. O jogo marcará a estreia do técnico Mano Menezes em jogos oficial à frente do time rubro-negro. Já para o Coxa, vale manter a liderança da competição.

Com técnico novo, o Flamengo volta a atuar no Brasileirão. O time, que ocupa a 14ª colocação, tenta, neste retorno da competição, começar a trilhar novos caminhos e esquecer o início ruim, quando teve apenas uma vitória em cinco jogos.

O técnico Mano Menezes, que assumiu o time há cerca de três semanas, terá o seu segundo teste no comando da equipe rubro-negra. Ele venceu o primeiro, no amistoso com o São Paulo, e mostrou qual a atitude que quer da equipe diante do Coritiba para o Flamengo conseguir a segunda vitória no Brasileiro e se afastar da zona de rebaixamento.

O treinador aposta também na força da torcida (mais de 50 mil ingressos na foram vendidos) para sair de campo vitorioso:

- (Coritiba) é uma equipe invicta. São poucos jogos, mas começou bem, já vem mantendo uma boa base. Foi campeã estadual, chega com vários jogadores à frente e temos que nos organizar. Teremos um público grande e assim empurra o time contra o adversário. Temos que ter organização pois, se não fizermos bem, poderemos ser surpreendidos.

Líder do Campeonato Brasileiro, o clima no Coritiba é de confiança, mas não há oba-oba. Principalmente agora, que o time acabou de perder um de seus principais jogadores, o meia Rafinha, vendido para o Al-Shabab (SAU).

Segundo o técnico Marquinhos Santos, não há um substituto que possa manter o mesmo nível de quando tinha Rafinha. Por isso, ele quer mudar o menor número de peças possível, para não comprometer o entrosamento.

- Dentro do grupo, temos jogadores que podem ser utilizados, mas nenhum com a mesma eficiência do Rafinha. Vamos ter de mexer para suprir a ausência dele. Quero apenas mudar em uma peça, para mexer o mínimo possível - disse o treinador.

Pelo treino desta sexta-feira, quem deve entrar na vaga aberta é o meia argentino Bottinelli, que será titular pela primeira vez na competição justamente contra o seu ex-clube, o qual defendia até o fim do ano passado.

Já o seu compatriota recém-contratado, o lateral-esquerdo Raúl Ibérbia, ainda não poderá fazer sua estreia pelo Coritiba. Os documentos para sua regularização não chegaram a tempo e ele terá que ficar só na torcida. Mais uma vez, Diogo Goiano ocupará o setor.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO X CORITIBA

Local: Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Data/Hora: 06/07/2013, às 18h30
Árbitro: Paulo Cesar Oliveira (SP)  
Auxiliares: Rogerio Pablos Zanardo (SP) e Anderson José de Moraes Coelho (SP)

FLAMENGO: Felipe, Léo Moura, Wallace, González e João Paulo; Cáceres, Elias, Gabriel e Paulinho; Carlos Eduardo e Marcelo Moreno. Técnico: Mano Menezes

CORITIBA: Vanderlei; Victor Ferraz, Leandro Almeida, Chico e Diogo Goiano; Júnior Urso, Gil, Robinho, Bottinelli e Alex; Deivid. Técnico: Marquinhos Santos

Em busca de reabilitação, o Flamengo encara o Coritiba neste sábado, às 18h30, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. O jogo marcará a estreia do técnico Mano Menezes em jogos oficial à frente do time rubro-negro. Já para o Coxa, vale manter a liderança da competição.

Com técnico novo, o Flamengo volta a atuar no Brasileirão. O time, que ocupa a 14ª colocação, tenta, neste retorno da competição, começar a trilhar novos caminhos e esquecer o início ruim, quando teve apenas uma vitória em cinco jogos.

O técnico Mano Menezes, que assumiu o time há cerca de três semanas, terá o seu segundo teste no comando da equipe rubro-negra. Ele venceu o primeiro, no amistoso com o São Paulo, e mostrou qual a atitude que quer da equipe diante do Coritiba para o Flamengo conseguir a segunda vitória no Brasileiro e se afastar da zona de rebaixamento.

O treinador aposta também na força da torcida (mais de 50 mil ingressos na foram vendidos) para sair de campo vitorioso:

- (Coritiba) é uma equipe invicta. São poucos jogos, mas começou bem, já vem mantendo uma boa base. Foi campeã estadual, chega com vários jogadores à frente e temos que nos organizar. Teremos um público grande e assim empurra o time contra o adversário. Temos que ter organização pois, se não fizermos bem, poderemos ser surpreendidos.

Líder do Campeonato Brasileiro, o clima no Coritiba é de confiança, mas não há oba-oba. Principalmente agora, que o time acabou de perder um de seus principais jogadores, o meia Rafinha, vendido para o Al-Shabab (SAU).

Segundo o técnico Marquinhos Santos, não há um substituto que possa manter o mesmo nível de quando tinha Rafinha. Por isso, ele quer mudar o menor número de peças possível, para não comprometer o entrosamento.

- Dentro do grupo, temos jogadores que podem ser utilizados, mas nenhum com a mesma eficiência do Rafinha. Vamos ter de mexer para suprir a ausência dele. Quero apenas mudar em uma peça, para mexer o mínimo possível - disse o treinador.

Pelo treino desta sexta-feira, quem deve entrar na vaga aberta é o meia argentino Bottinelli, que será titular pela primeira vez na competição justamente contra o seu ex-clube, o qual defendia até o fim do ano passado.

Já o seu compatriota recém-contratado, o lateral-esquerdo Raúl Ibérbia, ainda não poderá fazer sua estreia pelo Coritiba. Os documentos para sua regularização não chegaram a tempo e ele terá que ficar só na torcida. Mais uma vez, Diogo Goiano ocupará o setor.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO X CORITIBA

Local: Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Data/Hora: 06/07/2013, às 18h30
Árbitro: Paulo Cesar Oliveira (SP)  
Auxiliares: Rogerio Pablos Zanardo (SP) e Anderson José de Moraes Coelho (SP)

FLAMENGO: Felipe, Léo Moura, Wallace, González e João Paulo; Cáceres, Elias, Gabriel e Paulinho; Carlos Eduardo e Marcelo Moreno. Técnico: Mano Menezes

CORITIBA: Vanderlei; Victor Ferraz, Leandro Almeida, Chico e Diogo Goiano; Júnior Urso, Gil, Robinho, Bottinelli e Alex; Deivid. Técnico: Marquinhos Santos