icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
29/03/2014
18:02

Na disputa pela primeira vaga na final do Campeonato Baiano, o Tricolor de Aço venceu por 1 a 0 o Serrano de Vitória da Conquista e se garantiu na final do Campeonato Baiano. O Bahia aguarda o vencedor do confronto entre os dois Vitórias amanhã, no Pituaçu. O volante Fahel marcou o gol da partida.

Primeiro tempo sem graça, mas com um golzinho

O Serrano começou melhor a partida, pressionando o Bahia e quase abrindo o placar logo no começo do jogo. O goleiro Marcelo Lomba operou dois milagres. Aos poucos o Tricolor de Aço foi equilibrando a partida, mas não conseguiu manter o bom nível. Com o tempo passando, o jogo foi ficando fraco e os dois times jogando mal.

A torcida do Bahia estava insatisfeita com o desempenho da equipe e foi à loucura quando, aos 30 minutos, a bola bateu na mão do zagueiro do Serrano dentro da área sem o juiz dar o pênalti. Mas a irritação logo foi esquecida quando, aos 39, Fahel abriu o placar para o Tricolor Baiano. Após triangulação, Rafinha, que havia entrado no lugar de Talisca, chegou na linha de fundo e cruzou com açúcar para Fahel, de primeira, completar de canhota para o fundo das redes.

Serrano manda uma no travessão, mas não consegue empatar

Na segunda etapa, o jogo continuou com o time do Serrano voluntarioso, porém sem qualidade. O time do Bahia, embora não jogasse bem, permancessia superior ao rival. O Tricolor foi administrando o resultado, mesmo que tenha havido algumas chances de gol para os dois lados.

O atacante Marconi, do Serrano, foi o jogador mais perigoso do time. Na segunda etapa foi o que mais finalizou ao gol do Bahia e, aos 32, deu uma cabeçada em que a bola explodiu no travessão do goleiro Lomba. O esforço do Serrano, no entanto, foi em vão e o time não conseguir chegar ao empate. O jogo terminou 1 a 0 para o Bahia.

O nome do jogo, Fahel, disse que o Bahia irá forte para a final.

–Vamos trabalhar a semana inteira, com respeito ao adversário que vier amanhã. Vamos vir fortes e queremos o título.