icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
23/11/2013
13:35

A Federação Burquinense de Futebol (FBF) entrou com uma ação junto à Fifa, pedindo a eliminação da Argélia da Copa do Mundo de 2014 devido a escalação irregular do zagueiro e capitão argelino Madjid Bougherra, no confronto decisivo entre as duas seleções pela eliminatória africana.

Segundo o presidente da FBF, Sita Sangare, o zagueiro não poderia ter jogado por causa do acúmulo de cartões amarelos que o suspenderiam da partida. Além disso, Sangare reclama que o árbitro senegalês Badara Diatta não cumpriu os quatro minutos de acréscimos indicados e encerrou o jogo em um momento de pressão argelina.

Burkina Faso derrotou a Argélia por 3 a 2 no jogo de ida. Na partida de volta, a seleção argelina venceu por 1 a 0, justamente com um gol de Madjid, e se classificou para o Mundial do Brasil pelo critério de gols fora de casa.