icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
07/03/2014
10:15

Após o empate em 2 a 2 com o Audax, na tarde de quinta-feira, em Moça Bonita, pela 12ª rodada do Campeonato Carioca, o técnico Eduardo Hungaro fez uma análise sobre o seu trabalho à frente da equipe alvinegra. Na opinião do comandante, apesar da péssima campanha no Estadual, a boa performance na Copa Libertadores será fundamental para a boa avaliação do trabalho dele no clube.

- O trabalho está sendo feito da maneira que montamos com a direção. Se olharmos os resultados do Carioca, podemos dizer que meu trabalho tem sido ruim, mas se analisarmos a competição prioritária, vemos que somos líderes da nossa chave. Eu trabalho com essa diferença. Enquanto conseguirmos ir bem na Copa Libertadores, tenho certeza de que minha avaliação será boa - analisou o técnico.

Antigo treinador das divisões de base do Botafogo, e também ex-auxiliar técnico de Oswaldo de Oliveira, Hungaro assumiu o comando da equipe principal em janeiro depois da saída de Oswaldo, após o término do Campeonato Brasileiro. Com o empate contra o Audax, o time está praticamente eliminado da disputa do título do Estadual.

No domingo, no clássico contra o Flamengo, o time reserva deve ser escalado, já que na quarta-feira, em Quito (EQU), os alvinegros têm compromisso diante do Independiente del Valle, pela terceira rodada do Grupo 2.

O Botafogo lidera o Grupo 2 da Copa Libertadores, com quatro pontos, sendo uma vitória e um empate. Vale lembra que o Alvinegro disputou a primeira fase da competição, com uma vitória e uma derrota. No Estadual, em que ocupa a sexta colocação com 16 pontos, são 12 jogos, quatro vitórias, quatro empates e quatro derrotas.