João Souza, o Feijão, em Lima

João Souza, o Feijão, em Lima. Crédito: Divulgação

TÊNIS NEWS
13/01/2016
17:48
Rio de Janeiro (RJ)

O Brasil terá mais um tenista garantido na chave principal do Rio Open apresentado pela Claro. Nesta quarta-feira, a IMM, organizadora do evento, confirmou o convite ao paulista radicado no Rio, João Souza, o Feijão, que se junta a Thomaz Bellucci na disputa.

"O Rio Open é um dos principais torneios do ano no meu calendário. Estou muito feliz com esse convite para jogar o torneio. No ano passado o Rio Open foi um dos pontos mais altos da minha temporada e quero muito fazer outra boa apresentação, sentir novamente o gostinho de jogar bem em um torneio como esse, na minha casa, na cidade onde eu moro e treino, com o apoio de toda a torcida, e quem sabe ir até mais longe. Queria agradecer os patrocinadores e o torneio por essa oportunidade,"’ disse Feijão, que no ano passado alcançou uma inédita quartas-de-final no Rio Open.

Aos 27 anos, o tenista nascido em Mogi das Cruzes, mas que mora no Rio desde 2005, onde treina com o técnico Ricardo Acioly, não precisará agora jogar o qualifying para disputar a chave principal da competição. Atual 148o. colocado na ATP, Feijão chegou ao 69o. posto no ano passado, depois do bom resultado no Rio e no Brasil Open, onde foi à semifinal.
Mas, depois de disputar o jogo mais longo da história na Copa Davis, perdendo para o argentino Leonardo Mayer, depois de 6h43min de partida, não conseguiu mais render tanto na temporada e busca uma recuperação no ranking. Para adquirir ritmo de jogo para o Rio Open, está disputando torneios da série Challenger na América do Sul.

"O Feijão levantou a torcida no ano passado no Rio Open com uma excelente campanha. Depois de um ano de altos e baixos ele vem readquirindo confiança e merece essa nova chance. Ele é um tenista experiente, que tem uma conexão especial com o Rio e ao lado do Bellucci, da Teliana e dos duplistas vai ser uma grande atração no torneio," disse Luiz Procopio Carvalho, Diretor do Torneio.

Além de Feijão e Thomaz Bellucci, o Brasil terá também a participação dos duplistas Bruno Soares, Marcelo Melo, André Sá e na WTA, de Teliana Pereira, na chave principal do Rio Open. O torneio contará com a participação de 4 tenistas entre os 11 do mundo: Rafael Nadal, Jo-Wilfried Tsonga, David Ferrer e John Isner, além de Fabio Fognini, Dominic Thiem e Jack Sock, entre outros. Na chave feminina, a estrela da WTA, Eugenie Bouchard jogará no Rio e a campeã de Roland Garros 2010, Francesca Schiavone, também.