LANCE!
24/02/2018
06:00
Rio de Janeiro (RJ)

Fluminense e Flamengo se enfrentam neste sábado, pela segunda rodada da Taça Rio. A bola rola às 17h (de Brasília), na Arena Pantanal, em Cuiabá. O estádio é o único das arenas construídas para a Copa do Mundo de 2014 que ainda não recebeu partidas do Campeonato Carioca.

O Flu chega para o duelo somando quatro partidas sem sofrer gols e sete jogos sem perder, sendo cinco com vitórias, amenizando o clima de crise que assombrava a equipe no início da temporada. Nos últimos dois duelos disputados, foram duas goleadas (5 a 0 sobre o Salgueiro, pela Copa do Brasil, e 4 a 0 sobre o Bangu).

- É sempre motivador jogar um Fla-Flu. Sempre que enfrento eles, me dá uma adrenalina maior. Espero que a gente possa ganhar, diferente do que aconteceu no ano passado. Entendo o que a torcida sente. É diferente jogar clássico. Eles podem ter certeza que terá um torcedor em campo. Estou motivado - afirmou Marcos Junior, artilheiro da equipe na temporada com cinco gols.

É a primeira vez que o Tricolor carioca atuará na capital do Mato Grosso, porém, o histórico em partidas fora do estado do Rio de Janeiro não é tão favorável. Foram nove jogos disputados desde 2014, com quatro derrotas, dois empates e três vitórias. Em clássicos, duas derrotas e um empate. Foram 12 gols sofridos e 10 feitos.

Mesmo treinando com bola e à disposição do técnico Abel Braga, os volantes Airton e Douglas não foram relacionados para o Fla-Flu. Além disso, Marquinhos Calazans seguem lesionados. O fato de jogar longe do Rio de Janeiro não agradou a equipe das Laranjeiras, mas Marcos Junior destacou o aspecto financeiro.

- Fla-Flu é no Rio. Não conheço Cuiabá. Mas... se os clubes vão ganhar dinheiro, vamos lá jogar - disse.