HOME - Eduardo Bandeira de Mello fala sobre permanência de Oswaldo de Oliveira no Flamengo (Foto: Reprodução/ESPN)

Bandeira concedeu entrevista logo após o treino do Flamengo, na manhã desta quarta (Foto: Reprodução/ESPN)

João Matheus Ferreira
02/03/2016
12:53
Rio de Janeiro (RJ)

O Flamengo nem cogita a possibilidade de anulação do jogo com o Figueirense, quarta-feira que vem, em Brasília, pela última rodada da primeira fase da Primeira Liga. Segundo o presidente Eduardo Bandeira de Mello, que conversou rapidamente com a imprensa após o treino desta manhã, no Ninho do Urubu, o Rubro-Negro pode estrear na Taça Guanabara nos dias 12 ou 13. Assim, não haveria conflito de datas do Estadual com a Primeira Liga.

- Podem comprar as passagens. Nós já até compramos. Vai ter jogo lá (em Brasília), até porque não existe coincidência nem conflito de data. Estamos seguros que terá jogo. Os ingressos já estão sendo vendidos. Ele (Rubens Lopes) cita conflito de data, mas como não terá conflito, não temos dúvida de que terá o jogo. Existem datas disponíveis nos dias 12 e 13, então não faz sentido jogar dia 9. O bom senso vai prevalecer. Jogaremos quarta contra o Figueirense e no dia 12 ou 13 estrearemos na Taça Guanabara - disse.

Na última terça, o presidente da Ferj, Rubens Lopes, disse ao jornal "Extra" que o Flamengo poderia estrear na Taça Guanabara no dia 9, data que conflitaria com o duelo da Primeira Liga. Segundo o LANCE! apurou, a detentora dos direitos de transmissão do Estadual pretende puxar o jogo de um dos grandes, inicialmente marcados para os dias 12 e 13, para o próximo dia 9, já que a Primeira Liga não é transmitida em TV aberta. Todavia, a tendência é que, para evitar qualquer problema, os jogos de Botafogo ou Vasco sejam antecipados.