Vinícius Britto
30/09/2016
15:14
Rio de Janeiro (RJ)

Santos Dumont ou Maracanã? Para a torcida do Flamengo, não faz diferença. A festa é a mesma. Cerca de mil torcedores compareceram ao aeroporto na tarde desta sexta-feira para o embarque dos jogadores para São Paulo. No sábado, o Rubro-Negro visita o Tricolor Paulista, às 16h30, no Morumbi, pelo Brasileiro.

Como se fosse um jogo no estádio, os rubro-negros não pararam de cantar um minuto sequer. Nem mesmo o frio e chuva desta sexta, no Rio, impediram os torcedores do Flamengo de levarem sinalizadores, bandeiras, fumaças. Com o gogó afiado, a cantoria durou até a chegada da delegação na Avenida Silvio de Noronha. O ônibus rubro-negro entrou pelo Portão Sul, com os jogadores descendo já dentro do aeroporto, por recomendação das autoridades.

 
Dentre os cânticos, o já tradicional cheirinho de hepta e apoio para a conquista do título brasileiro. Apoio também para o peruano Paolo Guerrero, além da habitual provocação ao presidente do Vasco, Eurico Miranda, e pedidos para o time ir para cima no jogo do Morumbi. Nem mesmo a eliminação no meio de semana, para o Palestino-CHI, pela Sul-Americana, desanimou os torcedores do Flamengo. A chave já foi virada. O foco é total no Campeonato Brasileiro.

Presente nos outros desembarques, o ex-jogador e técnico Andrade participou novamente da festa. Ele atendeu os mais diversos pedidos de fotos e foi ovacionado pelos torcedores rubro-negros, que ainda lembram com carinho do título brasileiro de 2009, comandado por ele próprio. O ex-camisa 6 está fazendo campanha política e concorrendo a vereador no Rio de Janeiro.

O voo do Flamengo, antes marcado para as 15h, foi cancelado por conta de manutenção da aeronave. Desta forma, o elenco rubro-negro só irá embarcar as 15h50 para mais uma decisão pelo Brasileirão, desta vez em São Paulo.