Benítez, Galeano e William, todos no São Paulo.

São Paulo deve ter a saída de alguns jogadores ao final deste mês (Foto: Montagem LANCE!)

Gabriel Santos
12/12/2021
14:43
São Paulo (SP)

Com o final da temporada, o São Paulo trabalha na busca por reforços, mas também pensa nos jogadores que têm mais chances de deixar o clube ao término deste ano. Quatro jogadores estão nessa situação: Benítez, Galeano, William e Rodrigo Freitas. 

Esse quarteto tem os seus vínculos se encerrando no final deste mês e não devem continuar na equipe comandada por Rogério Ceni. A seguir, o LANCE! mostra as estatísticas de cada um desse grupo nesta temporada.  

Benítez
Contratado por empréstimo do Independiente-ARG até o fim de dezembro, o jogador teve um primeiro semestre bom, mas conviveu com lesões, principalmente após o título do Campeonato Paulista. Nesta temporada, ele disputou 42 jogos, com quatro gols marcados e seis assistências. 

Com o São Paulo precisando realizar um investimento de três milhões de dólares (cerca de R$ 16 milhões), para sua permanência, ela é muito improvável, como adiantou o empresário do jogador. 

Galeano
Já o atacante paraguaio vive um impasse no São Paulo. Emprestado pelo Rubio Ñu-PAR, sua permanência era bastante provável, mas uma entorse no tornozelo direito sofrida na meta de outubro, fez ele operar a região e ser desfalque da equipe. 

Se o São Paulo quiser continuar com o atleta, precisará pagar 1 milhão de dólares (cerca de R$ 5,5 milhões, no cotação atual). Nesta temporada, o paraguaio participou de 24 partidas, com um gol marcado e três assistências. 

William
Contratado no começo desta temporada após uma boa passagem no México, o volante de 35 anos conviveu com lesões nesta temporada. A última foi uma artroscopia no joelho direito, cirurgia que ocorreu ainda em agosto. Sendo assim, já são quatro meses sem atuar. Sua última partida foi dia quatro de agosto, contra o Vasco, pela Copa do Brasil. 

Desde que chegou, William atuou em somente nove partidas, com seis vitórias, um empate e duas derrotas, sem gols marcados nem assistências. 

Rodrigo Freitas
O zagueiro de 23 anos, revelado na base do São Paulo, teve chances principalmente no primeiro semestre da temporada. Ele disputou nove partidas, com quatro vitórias, dois empates e três derrotas. Rodrigo fez um gol, na vitória sobre o Ituano por 3 a 0, pelo Campeonato Paulista.

Sem espaço no elenco, o defensor tem vínculo até o final deste mês e sua permanência é muito improvável.