Grêmio x Flamengo

Jorge Jesus no empate do Flamengo com o Grêmio na noite desta quarta-feira (Foto: NELSON ALMEIDA / AFP)

LANCE!
03/10/2019
00:25
Rio de Janeiro (RJ)

Apesar de ter pressionado em quase todo o jogo, o Flamengo ficou no empate em 1 a 1 com o Grêmio, na noite desta quarta-feira, pela ida da semifinal da Conmebol Libertadores. O técnico Jorge Jesus viu do banco de reservas os seus jogadores marcarem outros três gols durante a partida, mas todos acabaram sendo anulados pela arbitragem, com o uso do vídeo. O comandante do Flamengo, em conversa com os jornalistas, questionou o árbitro e destacou que seu time merecia ter vencido.

- Quero dar os parabéns ao Flamengo, que fez uma partida extraordinária. Esse jogo não resolve nada. Mas o Flamengo foi melhor em todos os aspectos e merecia a vitória. Fizemos quatro (gols), só valeu um. Revi e não sei como o árbitro anulou o do Gabigol. A arbitragem parou muito o jogo com faltas. O Grêmio tentou nos parar. Deu só amarelo na solada no Gerson... - reclamou o treinador em entrevista coletiva após a partida, antes de completar:

CLIQUE AQUI PARA CONFERIR E SIMULAR A TABELA DA COMPETIÇÃO

- O fator casa não é determinante, mas é importante. Ainda mais no Maracanã, com uma massa de torcedores que empurra o time. Esperamos que tenha capacidade para conseguir o objetivo, que é estar no Chile. O resultado, teoricamente, é melhor para o Flamengo. O Flamengo é um time completo. Tivemos muita posse de bola. Continuamos a ser o melhor time. Levamos o gol do empate com o Filipe Luís no chão. O Grêmio não colocou a bola para fora. E bem.

Com o resultado, o Flamengo terá a vantagem do empate em 0 a 0 na volta para ficar com a vaga na final. Um empate em 1 a 1 levará a disputa para os pênaltis - 2 a 2 em diante, o Grêmio se classifica. Quem vencer, se classifica. O jogo de volta da semifinal entre os brasileiros será no próximo dia 23, no Maracanã - quem passar pegará na decisão da competição, em novembro, o vencedor de River Plate e Boca Juniors. Antes, pelo Campeonato Brasileiro, as equipes voltam a campo no fim de semana - enquanto o Tricolor recebe o Corinthians no sábado, o Rubro-Negro visita a Chapecoense no domingo.