Bolsonaro - Covid

Bolsonaro testou positivo para o novo coronavírus (Foto: Reprodução/Instagram)

LANCE!
07/07/2020
20:26
Rio de Janeiro (RJ)

Em meio à pandemia do COVID-19, o LANCE! divulga boletins diários com informações sobre as principais decisões tomadas no Brasil e no mundo relacionadas aos impactos do novo coronavírus. Nesta terça-feira, a Federação Mineira de Futebol (FMF) batu o martelo sobre o retorno do Campeonato Mineiro, o presidente Jair Bolsonaro anunciou que testou positivo para COVID-19 e o país voltou a passar de mil mortes pela doença em 24h. Confira essas e outras notícias abaixo.

MINEIRO VOLTA NO DIA 26 DE JULHO
O Campeonato Mineiro 2020 já tem data para o retorno. Em reunião entre Federação Mineira de Futebol(FMF) e clubes, realizada virtualmente nesta terça-feira, 7 de julho. A bola volta a rolar no dia 26 de julho, domingo, como era o desejo da FMF.

BOLSONARO ESTÁ COM COVID-19
O presidente da República, Jair Bolsonaro, anunciou que contraiu o novo coronavírus.
O político realizou um exame para confirmar se realmente os sintomas de mal-estar que ele sentia poderiam diagnosticar a doença, de acordo com a comunicação da presidência.

PRESIDENTE DO PALMEIRAS TESTA APÓS CONTATO COM BOLSONARO
Maurício Galiotte decidiu passar por mais um exame para detectar coronavírus.
A ideia ocorreu porque, há uma semana, o presidente do Palmeiras foi a Brasília encontrar Jair Bolsonaro, Presidente da República que anunciou nesta terça-feira que está contaminado pela COVID-19.

SEM COLETIVOS, GRÊMIO SE ADAPTA
Em meio a um clima de incerteza sobre onde o clube prosseguirá com sua preparação para a volta das competições, o Grêmio treinou tanto na última segunda como nessa terça-feira fazendo atividades prioritariamente voltadas a parte física e técnica.

DIRETOR DO GALO FAZ DOAÇÕES
Ainda sem poder ver o Atlético-MG atuar por conta da paralisação do futebol na pandemia do coronavírus, Alexandre Mattos tem chamado atenção com doações neste período
. O diretor de futebol do Galo já distribuiu marmitas pessoalmente há três meses e, na semana passada, foi entregue uma cadeira de rodas motorizada comprada com a ajuda do dirigente.

CAMPEÃ OLÍMPICA SE RECONSTRÓI NA QUARENTENA
Campeã olímpica com a Seleção Brasileira de vôlei em Londres-2012, a central Adenízia está determinada a lutar por mais uma medalha olímpica, depois dos imprevistos causados pelo COVID-19 e de um processo pessoal de amadurecimento. Ela falou sobre o assunto em relato exclusivo ao LANCE!.

LUTADOR DO UFC TESTA POSITIVO E É RETIRADO DE DUELO
Mais um lutador brasileiro está fora dos eventos do Ultimate na “ilha da luta” por conta do coronavírus. Pedro Munhoz, que enfrentaria Frankie Edgar no próximo dia 15 de julho, testou positivo para a COVID-19 e foi retirado do card antes mesmo de viajar de Las Vegas (EUA) para Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, onde serão realizados os cards do UFC durante o mês de julho.  

NATAÇÃO CANCELA COMPETIÇÕES NO SEGUNDO SEMESTRE
A Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA) anunciou nesta terça-feira o cancelamento duas importantes competições nacionais programadas para os meses de julho e agosto
, em virtude dos desdobramentos da pandemia do COVID-19.

NETO ANALISA MEDIDAS DO GOVERNO DE SÃO PAULO
Durante 'Os Donos da Bola' desta terça-feira, Neto, que se posicionou contra a volta do Cariocão, analisou a declaração do governador de São Paulo, João Doria (PSDB) de que os clubes paulistas não poderão jogar o Brasileirão com o Paulista ainda em andamento. Para o apresentador, já que as coisas já estão reabrindo no Estado, está na hora da volta do futebol.

BRASIL VOLTA A SUPERAR MIL NOVAS MORTES
O Brasil registrou 1.312 novas mortes e mais 48.584 casos confirmados de infecção pelo novo coronavirus 24 horas, segundo dados do levantamento realizado pelo Estadão, G1, O Globo, Extra, Folha e UOL com as secretarias estaduais de Saúde. No total, 66.868 brasileiros já perderam a vida para o COVID-19 e 1.674.655 pessoas foram infectadas.

OMS ADMITE RISCO DE TRANSMISSÃO PELO AR
A Organização Mundial da Saúde (OMS) afirmou que estão surgindo "evidências" sobre a possibilidade de transmissão do novo coronavírus pelo ar. A entidade inormou que trabalha em conjunto desde abril com vários dos cientistas que assinaram uma carta aberta para alertar sobre esse modo de disseminação.