LANCE!
15/07/2021
14:05
São Paulo (SP)

Um dos principais jogadores do Corinthians nesta temporada, com participação direta em seis gols - são quatro tentos anotados e duas assistências -, o atacante Gustavo Mosquito precisou cuidar bastante da parte psicológica para superar o drama pessoal de ter perdido o seu pai, vitima do Covid-19, no último dia 18 de junho.

>> Baixe o novo app de resultados do LANCE!
>> Confira a tabela do Brasileirão e simule os próximos jogos

Em entrevista coletiva virtual concedida nesta quinta-feira (15), o jogador revelou que uma semana após o falecimento do seu pai, teve que lidar com a morte do avô, também em decorrência do novo coronavírus.

– Muita gente não sabe, uma semana depois o meu avô também faleceu por conta do Covid. Só Deus para nos dar força, e a família, esposa, meus filos, meu irmão, minha mãe, que estava comigo neste momento. Só eles para a gente superar um pouco essas dores, e os dias, para amenizar a um pouco a dor que eu sinto ainda. É muito difícil, mas a vida segue e tem que tirar a força da família, Os meus companheiros deram força e confiança, o que é importante para fazer bom jogos e não deixar abalar – disse o jogador, que ainda acrescentou destacando a importância da superação em momentos como esse.

– Já estou acostumado dar a volta por cima. Atleta vive de superação.

Mosquito foi contratado pelo Timão em 2018, após se destacar pelo Coritiba, mas demorou para se firmar. Após empréstimos ao Oeste, Vila Nova e Paraná, retornou ao Time do Povo na temporada passada e se tornou, aos poucos, um dos protagonistas do atual elenco.

Gustavo Mosquito
Mosquito falou de superação (Foto: Rodrigo Coca/Ag.Corinthians)