Marcelo Chamusca

Marcelo Chamusca está sob pressão no comando do Botafogo (Foto: Vítor Silva/Botafogo)

Sergio Santana
10/07/2021
19:38
Rio de Janeiro (RJ)

Após o empate em 3 a 3 com o Cruzeiro pela Série B, Marcelo Chamusca, por ora, continua sendo o treinador do Botafogo. Ainda não há nenhum tipo de continuidade garantida para o restante da semana. A diretoria do Alvinegro vai se reunir nos próximos dias para debater e discutir sobre o desempenho do treinador e o departamento de futebol.

+ Veja a tabela da Série B e simule os resultados dos jogos

Isto se dá porque os membros da diretoria do Glorioso não querem tomar nenhuma decisão de "cabeça quente". Ou seja, não quiseram fazer nenhum passo concreto após o empate em 3 a 3 para o Cruzeiro, neste sábado, no Estádio Nilton Santos, pela 11ª rodada da Série B do Brasileirão.

A verdade é que Marcelo Chamusca balança no cargo. Este encontro entre a cúpula alvinegra acontecerá, no máximo, até a segunda-feira. Internamente, querem resolver esta questão em um curto prazo.

+ ATUAÇÕES: Chay marca três gols e é o destaque do Botafogo

Vale ressaltar também que isto não é garantida que Chamusca será demitido. Essa reunião servirá para avaliar desempenho, contratações e ambiente do treinador e do departamento de futebol, mas também para avaliar o mercado de técnicos disponíveis no país no momento.

O Botafogo não quer tirar Chamusca do cargo sem ter outro nome em mente para assumir a posição. Ao mesmo tempo, a diretoria já sabe que a popularidade do treinador para com a torcida beira status quase negativos. A balança acabará pesando para um dos lados apenas depois da reunião.