icons.title signature.placeholder Luis Fernando Coutinho
01/11/2013
14:43

Rafael Sapo terá a luta mais importante de sua carreira no próximo dia 6 de novembro. No UFC no Combate Fight For The Troops, que acontece em Kentucky (EUA), o brasileiro enfrentará Tim Kennedy na luta principal do show. Previamente escalado para encarar Ed Herman no UFC 167, que acontece no dia 16, o mineiro foi convocado para suprir a falta de Lyoto Machida, que enfrentaria o americano inicialmente. Diante de um tempo de preparo menor, Rafael revelou em entrevista ao LANCE!Net que pediu a Dana White para que o confronto fosse de três rounds.

Normalmente, os combates principais de cada evento do UFC tem cinco rounds programados, salvos alguns casos. Para Rafael Sapo, a mudança seria justa, já que ele foi chamado de última hora e não estava treinando para tal número de assaltos, ao contrário de Kennedy, que fez toda sua preparação com esse propósito. O lutador revelou que fez o pedido diretamente ao presidente do UFC, mas não obteve êxito.

- Chegamos a pedir ao Dana White para que a luta fosse de três rounds, pois fui chamado muito em cima da hora e o Tim Kennedy já estava treinando para cinco rounds há mais tempo. Ele já tem o gás muito bom. Conversamos com o Dana White, mas ele disse que não tem jeito, explicou que as lutas principais do show têm sempre cinco rounds, então não haverá como fazer isso e nem como negociar - contou o atleta, em contato feito por telefone pelo L!Net.

O confronto com Kennedy será a quarta luta de Rafael na organização em 2013. A distância entre seu último combate e o próximo é de apenas dois meses, tempo menor do que o normalmente planejado para uma preparação. 

Kennedy e Rafael Sapo se enfrentam na luta principal do evento (FOTO: Divulgação)

- Dois meses é um espaço muito curto de uma luta para outra. Geralmente, não fazemos isso. Quando me ofereceram a luta no dia 16 de novembro, nem aceitei de início. Já tinha achado perto demais, mas conversei com a minha equipe e decidimos lutar. Depois, aceitei o Kennedy, mesmo diminuindo em mais de uma semana minha preparação. Começamos a puxar e aumentar os rounds nos treinamentos. Nunca lutei cinco rounds ainda. O Tim já lutou duas vezes no Strikeforce. A mudança que tive de fazer foi aumentar a intensidade dos meus treinos - concluiu.

O UFC Combate Fight For The Troops acontece na próxima quarta-feira e terá transmissão completa e exclusiva do canal Combate.

Confira as lutas do show
CARD PRINCIPAL
Tim Kennedy x Rafael Natal
Liz Carmouche x Alexis Davis
Ronny Markes x Yoel Romero
Jorge Masvidal x Rustam Khabilov
Colton Smith x Michael Chiesa
CARD PRELIMINAR
Bobby Green x James Krause
George Roop x Francisco Rivera
Dennis Bermudez x Steven Siler
Amanda Nunes x Germaine de Randamie
Chris Camozzi x Lorenz Larkin
Yves Edwards x Yancy Medeiros
Neil Magny x Seth Baczynski
Derek Brunson x Brian Houston