icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
19/12/2013
13:29

Com a saída de Dida, que não renovará o contrato com o Grêmio, o goleiro Marcelo Grohe ganha força e será o titular do gol do clube gaúcho para a próxima temporada. Depois de um bom 2012, mas um 2013 na reserva do experiente arqueiro, o jogador de 26 anos, forjado na base tricolor, começa 2014 como o nome confirmado da equipe comandada por Enderson Moreira. Grohe valoriza o tempo que esperou pela chance e se diz maduro para agarrar a oportunidade no único time de sua carreira.

Valorizado pelos dirigentes, Grohe é um ativo do clube. É como os dirigentes chamam os jogadores que têm direitos econômicos ligados majoritariamente ao Tricolor. Um dos poucos que é 100% do Tricolor. Até por isso, é necessário colocá-lo para jogar. Em 2012, o goleiro teve boa participação no Brasileiro e se valorizou. O Grêmio teve a melhor defesa da competição, com o Fluminense. Mesmo depois das boas atuações, o clube foi buscar Dida para ser titular na Libertadores. Nesta quarta-feira, participou de um evento beneficente em Campo Bom, sua cidade natal, com os amigos Claiton, ex- Inter, Mateus Magro, volante do Grêmio, e Michel HUff, preparador físico do Metalist, da Ucrânia.

- Graças a Deus, eu sempre tive paciência. Alguns falam que até demais (risos), mas eu sempre tive a esperança de que a minha hora iria chegar. Ela chegou no ano passado, eu pude fazer um bom campeonato, mas por outras circunstâncias, não tive sequência. Continuei o meu trabalho com tranquilidade, com seriedade. Não vou negar que em alguns momentos eu fiquei triste, mas nunca baixei a cabeça. Se fizesse isso, só iria me prejudicar. Agora é agradecer ao presidente, ao Rui, ao Chitolina, e à comissão técnica, que estão acreditando em mim e no que eu já fiz durante alguns anos dentro do Grêmio. É um momento muito especial para mim, porque premia toda essa espera, toda essa dedicação, esse carinho que tenho pelo clube. É o meu único clube na carreira até hoje. Agradeço também pela confiança da torcida, que sempre acreditou no meu trabalho. Espero corresponder à altura, dar continuidade ao que sempre fiz, ter uma boa pré-temporada e um grande ano - projetou o futuro camisa 1 gremista.

Durante o ano, o nome de Marcelo esteve ligado a um interesse do Vasco, que buscava goleiro. No entanto, o negócio não aconteceu. O jogador concedeu entrevista coletiva em dado momento afirmando que considerava a chance de deixar o Grêmio, se houvesse interessados, para dar seguimento na carreira. para o goleiro, a espera vale a pena pelo próximo ano.

- Os anos vão passando e a gente vai ficando mais maduro, é inegável. Todos esses anos que eu passei no Grêmio, tudo foi aprendizado, os momentos bons, os momentos ruins. Esse ano, principalmente, foi de muito aprendizado. O que a gente passa nos faz mais forte - finalizou Grohe.

O Tricolor contará com Marcelo Grohe, Busatto, Follmann e Tiago, que subirá dos juniores, para a posição.