icons.title signature.placeholder Enrico Bruno e Thiago Fernandes
icons.title signature.placeholder Enrico Bruno e Thiago Fernandes
28/07/2013
15:14

Cruzeiro e Caixa Econômica Federal ainda não resolveram as pendências que impedem que o Banco se torne o novo patrocinador master do clube mineiro. Mas, se depender dos torcedores, e principalmente dos comerciantes, a réplica da suposta nova camisa da Raposa já está pronta para ser comercializada. Já se pode ver o 'novo' uniforme nas ruas da capital mineira.

Raul Pacheco é cruzeirense e um dos torcedores que já deixou o atual uniforme (com o patrocínio do BMG) cair em desuso e guardada em casa. O torcedor estará neste domingo no Mineirão para o clássico contra o Atlético-MG e trajando o provável manto celeste. A camisa, de fato, ainda não é a original, mas, ao que se vê, Raul e toda a China azul espera encontrar o novo produto nas lojas do clube mineiro.

MAIS:
> Negociações com a Caixa ainda seguem paradas
> Papa Francisco recebe camisa do Cruzeiro

Boa parte dos torcedores celestes apresentam rejeição quando ao atual patrocinador da equipe, o Banco BMG. A razão para esta insatisfação se deve, principalmente, à empresa ser ligada ao ex-presidente do rival Atlético, Ricardo Guimarães. O contrato com o patrocinador é válido até o final deste ano, mas uma rescisão amigável do contrato seria feita para que o Cruzeiro utilizasse o novo patrocínio ainda neste Brasileirão de 2013.

Cruzeiro e Caixa Econômica Federal ainda não resolveram as pendências que impedem que o Banco se torne o novo patrocinador master do clube mineiro. Mas, se depender dos torcedores, e principalmente dos comerciantes, a réplica da suposta nova camisa da Raposa já está pronta para ser comercializada. Já se pode ver o 'novo' uniforme nas ruas da capital mineira.

Raul Pacheco é cruzeirense e um dos torcedores que já deixou o atual uniforme (com o patrocínio do BMG) cair em desuso e guardada em casa. O torcedor estará neste domingo no Mineirão para o clássico contra o Atlético-MG e trajando o provável manto celeste. A camisa, de fato, ainda não é a original, mas, ao que se vê, Raul e toda a China azul espera encontrar o novo produto nas lojas do clube mineiro.

MAIS:
> Negociações com a Caixa ainda seguem paradas
> Papa Francisco recebe camisa do Cruzeiro

Boa parte dos torcedores celestes apresentam rejeição quando ao atual patrocinador da equipe, o Banco BMG. A razão para esta insatisfação se deve, principalmente, à empresa ser ligada ao ex-presidente do rival Atlético, Ricardo Guimarães. O contrato com o patrocinador é válido até o final deste ano, mas uma rescisão amigável do contrato seria feita para que o Cruzeiro utilizasse o novo patrocínio ainda neste Brasileirão de 2013.