icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
19/03/2014
10:05

O futebol apresentado pelo Botafogo na vitória por 1 a 0 sobre o Independiente del Valle, na noite desta terça-feira, no Maracanã, pode não ter sido o que todos esperavam. No entanto, o gol de Ferreyra foi de suma importância e colocou os alvinegros mais próximos da classificação às oitavas de final.

Além disso, para o atacante argentino, o tento diante dos mais de 26 mil alvinegros presentes no estádio representou bem mais que três pontos. Com muito empenho e dedicação em campo, o jogador saiu aplaudido pela torcida botafoguense, que reconheceu nele o tão falado "espírito de Libertadores". Se o argentino deixava dúvidas em alguns quanto a sua qualidade técnica, quem sempre o apoiou, caso do técnico Eduardo Hungaro, não se surpreendeu com a exibição do artilheiro.

- Quero ver o jogo novamente, mas tenho a impressão de que ele fez o melhor jogo dele na temporada. Taticamente ele contribuiu demais, marcou e deu opção para sequência das jogadas. Dentro da característica dele, foi extremamente eficiente. Não é primeiro gol importante que ele faz. É jogador de fazer gol em jogo de peso, e temos que valorizar isso. Esperamos que siga assim - disse o treinador, em entrevista coletiva, no Maracanã.

Contratado em janeiro, El Tanque Ferreyra chegou ao seu décimo jogo pelo Botafogo. O centroavante de 30 anos, que ano passado foi vice-campeão da Copa Libertadores pelo Olimpia (PAR), marcou o seu quinto gol no clube, três deles na competição sul-americana.

O Botafogo lidera o Grupo 2 com sete pontos. O time volta a jogar na Libertadores no próximo dia 2 de abril, também no Maracanã, contra o Unión Española (CHI). No Estadual, onde está eliminado da disputa pelo título, os alvinegros fazem a última partida no sábado, às 16h, em Moça Bonita, diante do Nova Iguaçu.


Botafogo sofre, mas mantém liderança na Libertadores