icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
26/11/2014
18:12

A situação do Bahia no Brasileirão não é nada fácil. Apesar de ainda ter chances matemáticas de escapar do rebaixamento, apenas uma combinação de resultados tiraria o Tricolor de Aço da zona da degola.

Fora dos muros do Fazendão, o rebaixamento do Bahia é dado como certo. Mas dentro do CT tricolor, enquanto houver chances matemáticas de salvação, ainda há esperanças. É o que revela o atacante William Barbio, que não deixa de reconhecer a dificuldade da situação.

- Fora do clube, acho que ninguém acredita na gente. Mas temos que acreditar até o final. Ainda tem chance. Não acabou, temos dois jogos. Temos um confronto muito difícil com o Grêmio. Mas, enquanto tiver chance, o grupo está acreditando. E tem que torcer para que aconteçam os resultados.

Para escapar da degola, o Bahia precisa vencer os dois jogos restantes, contra Grêmio e Coritiba, e torcer para o Palmeiras ser derrotado, além do Vitória não ganhar nenhum dos jogos restantes. Com uma missão difícil assim pela frente, William Barbio revela se apoiar nos companheiros de time para seguir lutando pelo Bhaia.

- É difícil buscar os resultados, mas quando você chega aqui para treinar e nosso companheiro dá uma palavra de apoio. Isso vai animando. Aconteceu hoje. O time do Bahia vai acreditar até o final. Até quando não tiver mais chance. Quem o professor Charles colocar no jogo vai lutar até o final.

Bahia e Grêmio entram em campo neste domingo, às 19h30 da noite, na Arena Fonte Nova, em duelo válido pela 37ª rodada do Brasileiro.