icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
26/08/2015
12:53

Rogério Ceni disputou as Copas do Mundo de 2002 e 2006 com a Seleção Brasileira, mas é com a camisa 01 do São Paulo que o Mito tem vivido um pouco do clima do Mundial de 2014. Desde que as novas arenas brasileiras começaram a ser inauguradas, há dois anos e meio, o goleiro-artilheiro já conheceu dez dos 12 estádios escolhidos pela Fifa e chegará na noite desta quarta, no Castelão, à 11ª arena visitada - restará apenas a Arena das Dunas, em Natal (RN).

Livre de edema e inflamação no músculo adutor da coxa direita, Ceni treinou nos dois últimos dias no CT da Barra Funda, mas ainda luta na concentração tricolor em Fortaleza para ser titular diante do Ceará no duelo decisivo das 19h30 desta quarta-feira nas oitavas de final da Copa do Brasil. Por precaução, Renan Ribeiro e Léo foram relacionados.

O capitão tricolor, que perdeu as últimas três partidas do time na temporada, fará o jogo de número 19 em arenas utilizadas no Mundial de 2014 e quer deixar o retrospecto mais positivo. São nove vitórias, três empates e sete derrotas, sendo duas consecutivas nas últimas visitas: 2 a 0 na Arena Pernambuco (Sport) e 3 a 1 no Mineirão (Atlético-MG).


Ídolo são-paulino deve se aposentar em dezembro deste ano (Foto: Miguel Schincariol)

Ceni está invicto na Arena Fonte Nova, em Salvador, no Mané Garrincha, em Brasília, no Beira-Rio, em Porto Alegre, e na Arena Pantanal, em Cuiabá. Por outro lado, o capitão são-paulino nunca venceu no Mineirão, em Belo Horizonte, e na Arena Corinthians, em São Paulo.

Outro marco desta quarta é que o Mito pode disputar sua última partida em solo nordestino na carreira. Até aqui, 63 dos 1226 jogos do goleiro-artilheiro pelo Tricolor foram no Nordeste. O retrospecto tem 33 vitórias, cinco empates e 25 derrotas, além de sete gols marcados. O último gol na região foi em julho de 2014, em vitória por 2 a 0 sobre o Bahia na Fonte Nova, pelo Campeonato Brasileiro.

Confira os jogos de Ceni nas arenas da Copa do Mundo:

Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Internacional 0x1 São Paulo - 2014
Internacional 0x0 São Paulo - 2015

Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Atlético-PR 2x1 São Paulo - 2014

Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Corinthians 2x0 São Paulo - 2015

Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Cruzeiro 1x0 São Paulo - 2015
Atlético-MG 3x1 São Paulo - 2015

Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Botafogo 0x0 São Paulo - 2013
Flamengo 0x2 São Paulo - 2014
Fluminense 5x2 São Paulo - 2014

Arena Pantanal, em Cuiabá (MT)
Santos 0x1 São Paulo - 2014

Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Flamengo 0x0 São Paulo - 2013
Botafogo 2x4 São Paulo - 2014
Vasco 0x4 São Paulo - 2015

Fonte Nova, em Salvador (BA)
Bahia 0x1 São Paulo - 2013
Bahia 0x2 São Paulo - 2014

Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata (PE)
Náutico 0x1 São Paulo - 2013
Sport 2x0 São Paulo - 2015

Arena da Amazônia, em Manaus (AM)
Vasco 1x2 São Paulo - 2015
Flamengo 1x0 São Paulo - 2015 

Rogério Ceni disputou as Copas do Mundo de 2002 e 2006 com a Seleção Brasileira, mas é com a camisa 01 do São Paulo que o Mito tem vivido um pouco do clima do Mundial de 2014. Desde que as novas arenas brasileiras começaram a ser inauguradas, há dois anos e meio, o goleiro-artilheiro já conheceu dez dos 12 estádios escolhidos pela Fifa e chegará na noite desta quarta, no Castelão, à 11ª arena visitada - restará apenas a Arena das Dunas, em Natal (RN).

Livre de edema e inflamação no músculo adutor da coxa direita, Ceni treinou nos dois últimos dias no CT da Barra Funda, mas ainda luta na concentração tricolor em Fortaleza para ser titular diante do Ceará no duelo decisivo das 19h30 desta quarta-feira nas oitavas de final da Copa do Brasil. Por precaução, Renan Ribeiro e Léo foram relacionados.

O capitão tricolor, que perdeu as últimas três partidas do time na temporada, fará o jogo de número 19 em arenas utilizadas no Mundial de 2014 e quer deixar o retrospecto mais positivo. São nove vitórias, três empates e sete derrotas, sendo duas consecutivas nas últimas visitas: 2 a 0 na Arena Pernambuco (Sport) e 3 a 1 no Mineirão (Atlético-MG).


Ídolo são-paulino deve se aposentar em dezembro deste ano (Foto: Miguel Schincariol)

Ceni está invicto na Arena Fonte Nova, em Salvador, no Mané Garrincha, em Brasília, no Beira-Rio, em Porto Alegre, e na Arena Pantanal, em Cuiabá. Por outro lado, o capitão são-paulino nunca venceu no Mineirão, em Belo Horizonte, e na Arena Corinthians, em São Paulo.

Outro marco desta quarta é que o Mito pode disputar sua última partida em solo nordestino na carreira. Até aqui, 63 dos 1226 jogos do goleiro-artilheiro pelo Tricolor foram no Nordeste. O retrospecto tem 33 vitórias, cinco empates e 25 derrotas, além de sete gols marcados. O último gol na região foi em julho de 2014, em vitória por 2 a 0 sobre o Bahia na Fonte Nova, pelo Campeonato Brasileiro.

Confira os jogos de Ceni nas arenas da Copa do Mundo:

Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Internacional 0x1 São Paulo - 2014
Internacional 0x0 São Paulo - 2015

Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Atlético-PR 2x1 São Paulo - 2014

Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Corinthians 2x0 São Paulo - 2015

Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Cruzeiro 1x0 São Paulo - 2015
Atlético-MG 3x1 São Paulo - 2015

Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Botafogo 0x0 São Paulo - 2013
Flamengo 0x2 São Paulo - 2014
Fluminense 5x2 São Paulo - 2014

Arena Pantanal, em Cuiabá (MT)
Santos 0x1 São Paulo - 2014

Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Flamengo 0x0 São Paulo - 2013
Botafogo 2x4 São Paulo - 2014
Vasco 0x4 São Paulo - 2015

Fonte Nova, em Salvador (BA)
Bahia 0x1 São Paulo - 2013
Bahia 0x2 São Paulo - 2014

Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata (PE)
Náutico 0x1 São Paulo - 2013
Sport 2x0 São Paulo - 2015

Arena da Amazônia, em Manaus (AM)
Vasco 1x2 São Paulo - 2015
Flamengo 1x0 São Paulo - 2015