Vasco treino em Atibaia

O Vasco tem boa campanha no Carioca, mas vive com salários atrasados (Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br)

Felippe Rocha e Luiza Sá
06/04/2019
01:16
Rio de Janeiro (RJ)

Às vésperas da semifinal do Campeonato Carioca, os jogadores do Vasco se posicionaram de maneira a mudar a rotina do clube. Em protesto contra os salários atrasados, os atletas decidiram não se concentrar neste sábado para o jogo contra o Bangu, neste domingo. A informação foi publicada originalmente pelo site do "Globo Esporte" e confirmada pelo LANCE!.

Os últimos salários pagos foram em janeiro, mas o 13º vencimento de 2018 também não foram quitados. Situação vivida por jogadores e funcionários do clube cruz-maltino. Os jogadores relataram o incômodo e informaram a decisão ao diretor executivo de futebol, após o treino desta sexta-feira.

O grupo ainda tem atividade prevista para este sábado. A última antes do duelo contra o Alvirrubro. A decisão dos jogadores do Vasco se alinha à dos atletas do Botafogo, que também não se concentraram, na última quarta-feira, para o duelo contra o Juventude, na última quinta.

Os vencimentos de fevereiro, portanto, não foram quitados ainda e os de março vencerão no dia 20. Vale lembrar que acordo antigo tem este dia como o padrão de vencimento a cada mês. Além do 13° salário de 2018, atletas mais antigos também têm a receber dezembro e 13° relativos a 2017. Tais folhas são ainda da gestão anterior, presidida por Eurico Miranda.

placeholder