Hugo Calderano - Tênis de Mesa

Hugo Calderano está perto do ouro no tênis de mesa (Foto: ITTF)

LANCE!
07/08/2019
16:35
Lima (PER)

Sem grandes sustos, o brasileiro Hugo Calderano, de apenas 23 anos, venceu o canadense Eugene Wang por 4 sets a 2, nesta quarta-feira, e avançou à final do tênis de mesa dos Jogos Pan-Americanos de Lima. As parciais foram de 8/11, 11/7, 11/6, 7/11, 11/9 e 11/6.  Agora, ele encara o chinês naturalizado dominicano Jiaji Wu, número 648 do ranking mundial. Este, por sua vez, surpreendeu  e derrotou o americano Kanak Jha, n° 33 do mundo. A disputa pelo ouro será ainda nesta quarta, às 21h15. 

Atual número 6 do mundo (atrás apenas de asiáticos, referência no esporte), Calderano derrotou o mesmo rival das semifinais do Pan de Toronto (casa do canadense) em 2015, no individual e nas duplas. Ele é o número 237 do mundo e se naturalizou há apenas quatro meses. Campeão individual e por equipe no Pan de 2015, ele foi ouro nas duplas nesta edição dos Jogos. Nesta edição, ele ganhou o ouro nas duplas masculinas, ao lado de Gustavo Tsuboi, na última terça-feira. 

Mais medalhas
Além do ouro e de um eventual outro primeiro lugar, Calderano ainda pode subir ao lugar mais alto do pódio na competição por equipes, que começa nesta quinta-feira. Ele não foi inscrito no time brasileiro para o torneio de duplas e foi preterido por Tsuboi por ser destro.

Além de Hugo, o Brasil ganhou a prata nas duplas mistas (com Tsuboi e Bruna Takahashi) , duplas femininas (Bruna Takahashi e Jessica Yamada), além do bronze no individual, com a própria Bruna, que foi derrotada na semifinal desta quarta-feira por Adriana Díaz, de Porto Rico, por 4 a 0, parciais de 11-9, 11-8, 11-3 e 11-4, e ficou com o bronze no tênis de mesa. No tênis de mesa, os derrotados na semifinal garantem  bronze. 

O Brasil está em segundo no quadro geral de medalhas, com 27 ouros, 23 pratas e 40 bronzes. Os EUA aparecem em primeiro, com 63 ouros e 159 medalhas no total.