Corredores da São Silvestre na Avenida Paulista. Edição de 2020 pode ser cancelada. (Divulgação)

Corredores da São Silvestre na Avenida Paulista. Edição de 2020 pode ser cancelada. (Divulgação)

Iúri Totti
16/08/2020
22:00
Corrida Informa

Em seus 95 anos de existência, a Corrida de São Silvestre nunca deixou de acontecer, nem mesmo nos anos da Segunda Guerra Mundial. Mas agora, a mais tradicional prova de rua do Brasil vive um clima de incerteza para a realização de sua 96ª edição por causa da Covid-19.

"Se fosse hoje, não poderia acontecer", afirmou o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, à "Folha de S.Paulo", admitindo a possibilidade de cancelamento da prova que reúne mais de 30 mil pessoas pelas ruas da capital paulista no último dia do ano.

Segundo Covas, que já cancelou a festa de revéillon na Avenida Paulista, local da largada e da chegada da Corrida de São Silvestre, "fica ao organizador privado o risco de esperar o dia 31 de dezembro. Já deixamos claro que a situação precisa mudar para que a Prefeitura possa autorizar um evento como esse".

Organizadora da prova de 15km, que reúne brasileiros e estrangeiros, a Fundação Cásper Líbero estuda alternativas e deve anunciar sua decisão nos próximos dias. (Iúri Totti/Corrida Informa)