Montagem - Benevenu, Kanu e Igor Rabello, Gabriel

Marcelo Benevenuto e Kanu x Igor Rabello e Gabriel (Foto: Vítor Silva/Botafogo e Bruno Cantini/Atlético-MG)

Sergio Santana
19/08/2020
06:00
Rio de Janeiro (RJ)

O Botafogo terá um encontro com um passado recente e uma oportunidade de ver o presente continuar florescendo no Estádio Nilton Santos. Diante do Atlético-MG, adversário desta quarta-feira, às 21h30, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro, o Alvinegro terá um embate da 'antiga geração' de zagueiros com a nova defesa do clube. A partida será transmitida em tempo real pelo site do LANCE!.

Pelo lado do Atlético-MG, Igor Rabello e Gabriel têm chances de entrar em campo com Jorge Sampaoli. A dupla foi essencial ao Botafogo em diferentes épocas do passado: o primeiro, criado nas categorias de base do clube, foi titular na campanha da Taça Libertadores em 2017. O segundo foi um dos destaques do Alvinegro na última temporada.

Rabello fez 108 jogos pelo Botafogo e foi negociado justamente ao Atlético-MG em 2019. Gabriel veio em contrapeso, por empréstimo, à contratação. Assumiu a titularidade com rapidez e virou um dos destaques da equipe. Até o começo desse ano, o desejo da diretoria - e do jogador - era de ter mais um ano de parceria, mas o Galo não aceitou renovar.

Atualmente, a realidade da defesa do Botafogo é jovem e promissora. Marcelo Benevenuto e Kanu, outrora utilizados como reservas dos dois que hoje estão no Atlético-MG, tomam conta da dupla de zagueiros do Alvinegro e vão enfrentar as antigas 'sombras'.

Benevenuto é o jogador com mais aparições pelo Botafogo na temporada - 15 ao todo. O camisa 14, que já formou dupla com Igor Rabello e Gabriel no passado, se consolidou como titular e destaque do Alvinegro. Kanu não saiu do onze inicial desde que Joel Carli deixou o clube. Mesmo sendo destro, atua pelo lado esquerdo da defesa e parece não sentir a diferença de flancos.

Kanu e Marcelo Benevenuto ainda não perderam um jogo com os dois começando a partida na equipe titular e fazendo a dupla de zagueiros. Desde a vitória de 1 a 0 sobre o Paraná, pelo jogo de ida da Copa do Brasil, primeira partida da dupla nestas circunstâncias, o Botafogo somou um triunfo e cinco empates - três deles sem levar gol.

- Encontramos um padrão defensivo muito bom, estamos como uma média boa de gols sofridos. O Honda e o Caio (Alexandre) ali estão ajudando na proteção também. Esperamos ter as oportunidades, ter uma tomada de decisão melhor e sair com os três pontos no jogo, o que é importantíssimo para a gente - afirmou Kanu, em entrevista à "BotafogoTV".