João Simão e André Akkari

João Simão é o primeiro e André Akkari é terceiro em um dos rankings mais respeitados do pôquer (Divulgação)

LANCE!
08/08/2019
18:03
São Paulo (SP)

Os brasileiros seguem dominando o ranking latino-americano do Global Poker Index (GPI), um dos mais respeitados do esporte. A liderança do ranking geral segue com o craque João Simão com 2.694,76 pontos.

O mineiro tem a companhia de André Akkari no top 3 da classificação. O profissional possui 2.213,09 pontos. Entre os dois brasileiros aparece o colombiano Farid Jattin com 2.692,51 pontos.

Mostrando o domínio verde e amarelo no ranking local, o país possui mais cinco representantes entre os dez primeiros. Os únicos “intrusos” nesta lista são os argentinos Nacho Barbero (2.085,40 pontos) e Andrés Korn (2.057,30 pontos), que estão na quarta e quinta colocações, respectivamente.

Os demais representantes brasileiros no top 10 são: Renato Kaneoya, Josias Santos, Enio Bozzano Marcelo Mesqueu e Pedro Padilha.

No ranking mundial, a disputa entre Alex Foxen e Stephen Chidwick segue apertada. O americano manteve a ponta na última atualização somando 3.850,35 pontos contra 3.845,18 do britânico. O novo número um em premiações no circuito live, Bryn Kenney, é a novidade no top 3 com 3.490,95.

Confira o top 10 do ranking latino-americano do Global Poker Index:

1º – João Simão – 2.694,76 pontos

2º – Farid Jattin (Colômbia) – 2.692,51 pontos

3º – André Akkari – 2.213,09 pontos

4º – Nacho Barbero (Argentina) – 2.085,40 pontos

5º – Andres Korn (Argentina) – 2.057,30 pontos

6º – Renato Kaneoya – 1.925,80 pontos

7º – Josias Santos – 1.909,02 pontos

8º – Enio Bozzano – 1.888,76 pontos

9º – Marcelo Mesqueu – 1.867,24 pontos

10º – Pedro Padilha – 1.811,08 pontos