Cassino Venetian, em Las Vegas

Divulgação

LANCE!
04/03/2021
01:10
São Paulo (SP)

O grupo Las Vegas Sands, proprietário de dois grandes estabelecimentos em Las Vegas, anunciou na quarta-feira (3) a intenção de venda de suas propriedades na Cidade do Pecado, em um negócio envolvendo mais de US$ 6 bilhões (cerca de R$ 34 bilhões). O foco da empresa, agora, será desenvolver suas casas no mercado asiático, segundo o site SuperPoker.

O Grupo Sands, fundado em 1990 pelo bilionário e magnata dos cassinos Sheldon Adelson, possui o controle do Venetian Resort e do Sands Expo & Convention Center na cidade do estado de Nevada. O anúncio das vendas vem após dois meses da morte de Adelson, que tinha 87 anos.

Os negócios que já estão encaminhados são a aquisição da parte operacional do Venetian pelo grupo Apollo Global Management, por US$ 2,25 bilhões; e a compra dos terrenos e dos ativos imobiliários da mesma casa pela VICI Properties por US$ 4 bilhões.

Principal motivo das vendas, a Ásia receberá mais investimentos do Grupo Sands. A organização é detentora do maior número de propriedades da Cotai Strip, ponto de concentração dos cassinos em Macau, e também é dona do famoso Marina Bay Sands em Singapura. Macau e Singapura representaram, respectivamente, 48% e 35% da receita total do grupo em 2020, segundo dados da empresa de análise financeira Renefitiv Eikon.