Erica Sena fica com o bronze na marcha atlética

Divulgação/rededoesporte

LANCE!
04/08/2019
12:04
Lima (PER)

Favorita ao ouro na prova de marcha atlética feminina, a brasileira Erica Sena não conseguiu cumprir seus objetivos no Pan de Lima e ficou "apenas" com a medalha de bronze. Apesar de subir ao pódio, o terceiro lugar tem gosto amargo para a brasileira, que liderou toda a prova mas perdeu posições após ser punida já no final dos 20km.

O ouro ficou a colombiana Sandra Lorena Campuzano, que ainda conseguiu bater o recorde pan-americano ao cruzar a linha de chegada com o tempo de 1h28m03. A prata foi para a a peruana Gabriela Kimber Léon, que fez o tempo de 1h29m00.

Muito irritada após o fim da prova, Erica admitiu que pensou em desistir da competição após a terceira punição por dobrar o joelho. Caso levasse a quarta, seria desclassificada da prova.

- Eu sou uma das melhores atletas do mundo, não é possível que minha técnica esteja tão errada - desabafou ao canal SporTV. Mesmo com as reclamações da arbitragem, o time de Erica decidiu não pedir revisão do resultando, pois veem as decisões do árbitro com 'muita subjetividade'.

A prova masculina será realizada ainda neste domingo, às 12h30, com o brasileiro Caio Bonfim brigando por uma medalha de ouro.

Com o bronze de Erica Sena, o Brasil soma agora 58 medalhas no total, sendo 15 ouros, 14 pratas e 29 bronzes, na quarta colocação no quadro de medalhas, atrás dos Estados Unidos, México e Canadá.