Largada da Maratona Feminina de Nagoya, no Japão. (Divulgação)

Largada da Maratona Feminina de Nagoya, no Japão. (Divulgação)

Iúri Totti
14/03/2021
17:18
Corrida Informa

Primeira corrida de rua no Japão com a participação de público desde o início da pandemia, há um ano, a Maratona Feminina de Nagoya foi realizada hoje com 4.704 participantes. A prova respeitou todas as medidas sanitárias determinadas pela autoridades japonesas, que também deverão ser usadas nas maratonas das Olimpíadas de Tóquio, nos dias 30 de julho (feminina) e 8 de agosto (masculina).

Somente com atletas japonesas, a campeã foi Mizuki Matsuda, com o tempo de 2h21m51s. Atleta reserva da equipe olímpica do Japão na maratona, essa foi sua primeira vitória na distância, que correu os 42,195m sem ser importunada pelas oponentes. Seu maior adversário foram os ventos fortes. Em segundo lugar ficou Sayaka Sato, com 2h24m32s, seguida por Natsumi Matsushita, com 2h26m26s, Mira Waku, com 2h26m30s, e Hanae Tanaka, com 2h26m49s.

Classificada com o selo prata pela World Athletics, ex-IAAF,  a Maratona de Nagoya é considerada a maior maratona feminina do mundo, que nas edições anteriores já reuniu mais de 22 mil mulheres. Na prova deste domingo, 4.650 maratonistas completaram o percurso pelas rua da cidade, recebendo um pingente exclusivo do evento da Tiffany & Co., conhecido como o símbolo da Maratona Feminina de Nagoya.

Na Maratona Feminina de Nagoya de 2021, um total de 15 mil pessoas estiveram envolvidas, incluindo corredores, voluntários, profissionais de saúde,  oficiais de corrida e funcionários, todos submetidos a um rígido processo de segurança sanitária contra o novo coronavírus.

O plano de controle sanitário do evento foi determinado de acordo com as Orientações da Associação Japonesa de Federações de Atletismo para o reinício de corridas de rua e seguindo o conselho de especialistas da área de saúde e oficiais do governo local. Foi determinado que todos as pessoas envolvidas na maratona usassem máscaras, exceto os corredores durante a competição, a higienização das mãos, temperatura verificada e monitoramento das condições de saúde por sete dias antes e 14 dias após a prova. Também teve distanciamento físico com ampliação do espaço por pessoa e redução da capacidade das áreas do evento, fornecimento de água coberta e alimentos embalados e posto com ambulâncias para casos suspeitos de infecção.

Juntamente com a corrida presencial, uma corrida virtual global, a Nagoya Women’s Online Marathon 2021, também começou neste domingo. Os inscritos podem correr a qualquer hora e qualquer lugar até o dia 30 de abril. (Iúri Totti/Corrida Informa)