Gabriel Teixeira - Fluminense

Gabriel Teixeira se destacou no Fluminense na última temporada (Foto: Lucas Merçon/Fluminense FC)

LANCE!
31/01/2022
16:26
Rio de Janeiro (RJ)

A negociação de Gabriel Teixeira, do Fluminense, com o Al Wasl, dos Emirados Árabes Unidos, ganhou uma novidade nesta segunda. A contratação do meia-atacante, de 20 anos, pode ser cancelada em virtude de divergências entre exames médicos. O problema precisa ser solucionado até o fim deste segunda, dia em que fecha a janela de transferência no Oriente Médio. A informação foi divulgada inicialmente pelo portal "GE". 

O Al Wasl, clube treinador Odair Hellmann, encaminhou a contratação do jovem para as próximas cinco temporadas. Ele foi aprovado nos exames do clube, porém de acordo com o regulamento da liga local, também precisa ser avaliado pelo Centro Médico da Fifa, em Dubai. Esse exame constatou um pequeno edema muscular e alertou o risco de lesão muscular de grau 1.

Ainda não é assinante do Cariocão-2022? Acesse www.cariocaoplay.com.br, preencha o cadastro e ganhe 5% de desconto com o cupom especial do LANCE!: GE-JK-FF-ZSW

Dessa forma, o Al Wasl reavalia a negociação, visto que Gabriel chegaria para as semifinais President's Cup, contra o Al Sharjah. O valor da negociação será de US$ 2 milhões de dólares - cerca de R$ 10,8 milhões. Tudo já está assinado pelo lado do Fluminense, porém tal problema médico pode impedir a negociação. 

Cabe salientar que Gabriel Teixeira vinha se recuperando de lesões musculares no fim de 2021 e treinava normalmente com o grupo tricolor. Enquanto isso, os representantes do jogador tentam resolver o problema para confirmar a transação. 

Biel subiu ao time profissional do Fluminense na última temporada e agradou a torcida com boas atuações. Nas primeiras rodadas do Carioca 2021, o clube escalou seu elenco sub-23, e o jogador se destacou ao lado de Kayky, sendo mantido no time profissional pelo então técnico Roger Machado. 

+  Confira e simule a tabela do Campeonato Carioca 

Contudo, o jovem perdeu espaço no time com Marcão, no fim do ano, em virtude de lesões na coxa. Gabriel entrou em campo com a camisa tricolor em 44 oportunidades, sendo 26 delas como titular. Ele marcou cinco gols e deu uma assistência. Odair Hellmann não chegou a treinar o jovem na época de Fluminense, mas acompanhou seu crescimento no clube carioca.