Vinícius Faustini
11/04/2019
23:10
Rio de Janeiro (RJ)

O Flamengo teve uma noite na qual seu poderio ofensivo beirou o ideal no Maracanã. Com gols de Diego, Everton Ribeiro (2), Arrascaeta, Vitinho e Gutiérrez (contra), o Rubro-Negro atropelou por 6 a 1 o frágil San José, que descontou com Saucedo e lidou com a inferioridade numérica desde o início de partida nesta quinta-feira, no Maracanã, em jogo válido pela quarta rodada da Copa Libertadores.

O triunfo conduz a equipe à ponta do Grupo D, com os mesmos nove pontos que o Peñarol, mas deixando a equipe à frente por ter melhor saldo de gols. Além disto, eleva a moral rubro-negra prestes a ocorrer o jogo de ida da decisão contra o Vasco.

Foi para cima deles...
A aposta em se lançar de forma avassaladora à frente deu ao Flamengo um cenário ideal de partida. Logo aos dois minutos, Bruno Henrique desviou cobrança de escanteio e Diego estufou as redes. Em seguida, o frágil San José teve o zagueiro Toco expulso, por falta em Bruno Henrique. A superioridade numérica levou o Rubro-Negro a desperdiçar chances com Arrascaeta, Everton Ribeiro e Renê.

Flamengo acorda após 'cochilo'
Porém, aos poucos, a vantagem fez a equipe de Abel Braga desacelerar seu ritmo. Willian Arão dormiu no ponto e deixou Sanguinetti (em posição irregular) livre para dar uma caneta em Rodrigo Caio. Diego Alves salvou mas, na sobra, Saucedo igualou. O gol sofrido fez o Flamengo retomar suas ações. Diego e Arrascaeta finalizaram rente à trave. Até Everton Ribeiro fazer a diferença. O meia-atacante puxou contra-ataque e, após uma dividida, viu a bola sobrar para Bruno Henrique. O atacante esticou e o camisa 7 tocou na saída de Lampe. Voltando a embalar, o Rubro-Negro ainda desperdiçou novas oportunidades. Bruno Henrique aproveitou vacilo de Lampe, mas errou com o gol vazio.

Arrascaeta marca. Mas cabe mais...
O Rubro-Negro voltou do intervalo ainda mais acelerado. Arrascaeta e Bruno Henrique aproveitaram brechas e assustaram em finalizações. De tanto pressionar, o terceiro gol foi construído: Everton Ribeiro desceu pela direita e alçou. Arrascaeta matou no peito e balançou a rede. Diante de um San José que ameaçou apenas com Jair Torrico, a equipe de Abel Braga indicava sua ânsia por golear. Diego bateu para fora e Rodrigo Caio carimbou a trave.

Virou passeio!
Com amplo domínio, o Flamengo viu sua goleada se desenhar nos minutos finais. Um dos melhores em campo, Everton Ribeiro recebeu de Pará e concluiu diante do goleiro batido. Logo depois, Willian Arão foi derrubado por Gutiérrez na área. Vitinho converteu o pênalti. Já no finzinho, Pará cruzou da linha de fundo e contou com um desvio de Gutiérrez para comemorar. Apesar de ocorrerem algumas falhas defensivas, o fôlego ofensivo segue em dia.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 6 x 1 SAN JOSÉ

Data-Hora:
11-04-19 - 21h
Estádio: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Piero Maza (CHL) Nota L!: 5,5 - Não viu que Sanguinetti estava impedido na jogada do gol de Saucedo. Acertou no pênalti sobre Willian Arão.
Assistentes: Christian Schemann (CHL) e Claudio Rios (CHL)
Público / Renda: 60.955 pagantes (64.814 presentes) / R$ 2.543.038,50

Cartões amarelos: Willian Arão (FLA), Eremir Rodríguez (SJO)
Cartão vermelho: Toco, 4/1º T (SJO)

Gols: Diego, 2/1º T (1-0), Saucedo, 18/1º T (1-1), Everton Ribeiro, 30/1º T (2-1), Arrascaeta, 11/2º T (3-1), Everton Ribeiro, 34/2º T (4-1), Vitinho, 38, 2º T (5-1) e Gutiérrez (contra), 42, 2º T (6-1)

FLAMENGO: Diego Alves; Pará, Léo Duarte, Rodrigo Caio e Renê (Trauco, 41, 2º T; Cuéllar, Willian Arão, Diego (Vitinho, 23, 2º T), Everton Ribeiro (Lucas Silva, 35, 2º T) e De Arrascaeta; Bruno Henrique. Técnico: Abel Braga.

SAN JOSÉ: Lampe; Juárez (Rojas, intervalo), Edemir Rodríguez, Toco e Jair Torrico; Ovando, Didi Torrico, Gutiérrez, Sanguinetti e Rodrigo Ramallo (Marcelo Gomes, 30, 2º T); Saucedo (Alessandrini, 30, 2º T). Técnico: Nestor Claucen.