Túlio de Melo - Avispa Fukuoka

Túlio de Melo, no Japão, teve boa passagem pela Chapecoense no ano passado (Foto: Divulgação / Avispa Fukuoka)

Mais Que Um Jogo (MQJ)
28/09/2018
17:05
Rio de Janeiro

Insatisfeito com o rendimento do seu time? Saiba que há no mercado da bola um bom número de jogadores desempregados. Eles poderiam vestir a camisa pela qual você torce, de graça!!
Fizemos uma seleção com brasileiros com alguma experiência internacional, que cairiam como uma luva no seu time. São cinco deles... Confira!

Wallace Oliveira
Da base do Fluminense, foi contratado ao Chelsea em razão de boas atuações em Seleções Brasileiras de base. Lateral direito, saiu cedo do Brasil, aos 18 anos. Como não se adaptou, foi emprestado ao Vitesse, da Holanda. No ano passado vestiu a camisa do Grêmio, mas enfrentou uma série de lesões que o impediram de decolar. Tem apenas 24 anos.

Wallace Oliveira lateral ex-Gemio
Divulgação/Grêmio

Diego Cavalieri
Goleiro tem 35 anos com passagem por grandes clubes como Palmeiras, Fluminense, Liverpool e até Seleção Brasileira. Está sem contrato desde julho deste ano.

Diego Cavalieri - goleiro, 35 anos, com passagem por Palmeiras, Liverpool, Fluminense, Seleção Brasileira...
Divulgação/Crystal Palace

Xandão
Brasileiro naturalizado italiano, Xandão tem 30 anos, é zagueiro, mas atua também como volante. Tem passagem por clubes como Sporting e Sporting Gijón, da Espanha. No Brasil, vestiu a camisa do Atlético Paranaense e São Paulo. Teve passagem sem alarde pelo Fluminense.

Xandão - Sporting Gijón
(Foto: CF Reus / Divulgação)

Juninho Goulart
Irmão do meia Ricardo Goulart, Juninho é cria do São Paulo, atua como volante e tem 29 anos. Deixou o Tricolor Paulista em para jogar no futebol dos EUA, no Los Angeles Galaxy. Jogou com estrelas como Beckham e Bastian Schweinsteiger, antes de transferir-se para o Tijuana, do México. Agora, está disponível.

Ricardo Goulart e Juninho (joga nos EUA) - irmãos
Os irmãos Juninho e Ricardo Goulart

Túlio de Melo
Atacante, teve boa passagem pela chapecoense em 2017, de onde seguiu para o futebol japonês. Porém, tem estrada no exterior, com passagens por Lile, Le Mans, Palermo e Valladolid - que agora pertence a Ronaldo Fenômeno. No Japão, defendeu o Avispa Fukuoka.

Túlio de Melo
Foto: Sirli Freitas / Divulgação / Chapecoense