Goiás x Fluminense

Caio Henrique não terá boas recordações do seu 50º jogo pelo Fluminense (Foto: Lucas Merçon/Fluminense)

Joel Silva
22/09/2019
22:45
Rio de Janeiro (RJ)

No jogo de "seis pontos", o Fluminense saiu com um grande prejuízo ao ser derrotado pelo Goiás, por 3 a 0. A partida foi tratada durante toda a semana como uma verdadeira decisão para o Tricolor, que tem no Esmeraldino um rival direto. Em caso de vitória, o time carioca ultrapassaria o goiano, porém com a goleada sofrida, acabou retornando para a zona de rebaixamento. O que se viu em campo foi uma atuação pavorosa, sem dúvida a pior da equipe sob o comando do técnico Oswaldo de Oliveira, que parece perdido, assim como os seus comandados. 

BATERAM CABEÇA

Goiás x Fluminense
Digão não fez uma boa partida# (Lucas Merçon/Fluminense)

O Fluminense iniciou a partida tendo a posse de bola, principalmente no campo de ataque. Já o Goiás deixou claro que iria jogar no contra-ataque, porém nem precisou desse tipo de jogada para abrir o placar. Pelo contrário, os espaços foram dados justamente pelos zagueiros do Tricolor, que bateram cabeça no primeiro gol do Esmeraldino. Digão e Frazan ficaram no "deixa que eu deixo". O cochilo foi mortal para o time.

NERVOSISMO E ANSIEDADE

Goiás x Fluminense
Nenê foi um dos poucos que não se omitiram na partida
(Lucas Merçon/Fluminense)

O Fluminense já entrou em campo sabendo que uma derrota colocaria o time novamente na zona de rebaixamento e após o gol essa pressão prejudicou o rendimento da equipe. O Tricolor em nenhum momento dominou a partida e os erros de passes foram comuns durante todo o tempo. Vale destacar que o Goiás fez o terceiro gol tendo um jogador a menos, já que Breno foi expulso aos 35 minutos da segunda etapa.  

ABAIXO DO ESPERADO

Goiás x Fluminense
Ganso fez uma partida muito discreta (Lucas Merçon/Fluminense)

A apatia do Fluminense se explica pela noite ruim de vários jogadores em campo. A começar por Allan, responsável por iniciar as jogadas ofensivas do time. O volante esteve bem abaixo tecnicamente, errando sete passes durante todo o jogo, número bem elevado para o jogador. No entanto, não foi só Allan que não foi bem, mas sim todo o meio-campo. Os atletas que formam esse setor, foram os responsáveis por 21 erros de passe, o restante da equipe contribuiu negativamente com 14 erros.  

INOFENSIVO

Goiás x Fluminense
Yony chegou ao 9º jogo sem marcar, pior jejum com a camisa do Flu (Lucas Merçon/Fluminense)

Sem conseguir dar sequência nas jogadas, justamente por não conseguir trocar passes, o Fluminense não assustou o Goiás. Ao todo foram nove finalizações, apenas duas no alvo, sendo uma obrigando de fato o goleiro Tadeu a fazer uma defesa importante. Estáticos, Yony e João Pedro foram presas fáceis para a marcação. 

PERDIDO

Goiás x Fluminense
Oswaldo completou um mês no comando tricolor
(Lucas Merçon/Fluminense)

Com uma semana cheia para treinamentos, o Fluminense foi presa fácil e não apresentou resistência contra um time que não vencia há três jogos no Brasileiro. Com transição defensiva lenta e um ataque inoperante, o Tricolor fez a sua pior partida sob o comando do técnico Oswaldo de Oliveira, que parece estar um pouco perdido em relação a linha de trabalho. Mesmo perdendo por 3 a 0, o treinador terminou a partida tendo ainda uma mudança para fazer e as que fez, colocando Marcos Paulo e Lucão, nas vagas de Yuri e Frazan, não surtiram nenhum tipo de efeito.