Alexandre Guariglia
23/07/2020
07:41
São Paulo (SP)

Talvez a principal novidade do Corinthians para o Dérbi da última quarta-feira tenha sido a presença de Danilo Avelar como titular da zaga ao lado de Gil. Recém-deslocado para a posição, o polivalente defensor se disse surpreso com sua atuação, mas mostrou em campo que não sentiu a mudança, sendo essencial para a vitória por 1 a 0. O bom desempenho foi elogiado também por Tiago Nunes, que parece ter ganhado versatilidade no setor.


Embora o ataque do Timão tenha produzido muito pouco, especialmente no segundo tempo, a defesa cumpriu o seu papel e mostrou consistência diante do ímpeto palmeirense. Apesar de Cássio ter sido o destaque da partida com excelentes defesas, o miolo da zaga foi bastante eficiente durante os 90 minutos e passou no teste contra uma forte equipe como a do rival.

Nem parecia que Danilo Avelar, um dos integrantes dessa defesa, fazia sua primeira partida oficial completa como zagueiro corintiano. Com movimentos bem executados tanto pelo alto, quanto pelo chão, ele não comprometeu e levou vantagem, além de dar uma condição diferente ao setor. Motivos suficientes para Tiago Nunes fazer grandes elogios ao seu novo titular da zaga.

Danilo Avelar - Corinthians x Palmeiras
Danilo Avelar mostrou consistência em sua primeira partida completa na zaga (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)


- O Avelar tem todos os atributos para ser um grande zagueiro, ter um jogador do lado esquerdo com a perna esquerda acaba ajudando bastante na construção do jogo e também nas coberturas. Foi muito bem - disse o técnico.

Após a saída de Pedro Henrique para o Athletico-PR, Avelar e Bruno Méndez despontaram como os postulantes para a vaga. A princípio, parecia que o uruguaio estaria em vantagem, mas a experiência do ex-lateral e sua facilidade na saída e na cobertura pelo lado esquerdo falaram mais alto. Em entrevista após o Dérbi, Danilo disse ter se surpreendido com a boa atuação logo de cara.

- Eu saio primeiramente feliz, óbvio, pelo resultado. Pela performance eu gostei também. Sendo bem sincero, eu não esperava que seria assim, estou bem feliz, óbvio que dá para melhorar sempre mais, mas saio satisfeito, porque eu acho que consegui executar algumas das coisas que a gente vinha treinando e tive sucesso - disse o jogador à assessoria de imprensa do clube.

Na véspera do clássico, Avelar havia dito que ter uma chance nesse tipo de jogo, diante das circunstância que o levaram a ser titular, era um presente do destino. Após a vitória por 1 a 0, que manteve o Corinthians vivo no Paulistão, ele espera ter cumprido seu papel e deixar a Fiel torcida feliz dentro de casa.

- Mais uma vitória importantíssima, acho que só quem jogou um clássico sabe o que é isso, então fico extremamente feliz por essa vitória e por levar alegria para essa torcida, que não pode comparecer hoje. Tenho certeza que festejaram em suas casas - concluiu.

Com a boa atuação e por fornecer uma opção mais versátil ao setor defensivo, Danilo Avelar deve ser novamente o titular da zaga ao lado de Gil, no próximo domingo, contra o Oeste, às 16h, na Arena Barueri, pela 12ª e última rodada da fase de grupos do Paulistão. Para chegar com chances de classificação até lá, é preciso torcer para o Guarani não vencer o Botafogo-SP nesta quinta, às 20h.