Após perder para o Tombense, seu rival mineiro, o Boa, do técnico Paulo Forlani,  tenta se recuperar na Série C do Brasileiro

Após perder para o Tombense, seu rival mineiro, o Boa, do técnico Paulo Forlani,  tenta se recuperar na Série C do Brasileiro-(Divulgação)

Valinor Conteúdo
27/06/2019
18:19
Belo Horizonte

O Boa Esporte ainda não conseguiu engrenar uma sequência de vitórias dentro do Campeonato Brasileiro da Série C. Apesar de ser um dos melhores mandantes da competição, com duas vitórias e dois empates, a equipe de Varginha conquistou apenas um ponto, nos cinco jogos disputados fora de casa, terminando o primeiro turno na oitava posição, com 9 pontos.

Na última rodada o Boa saiu na frente da Tombense, mas no final levou a virada e perdeu por 3 a 1. Mesmo com o resultado adverso, o atacante Abner ressalta a importância do gol.

- Estou sempre treinando finalização e procuro aproveitar quando um lance desses acontece, pois no jogo nem sempre vamos ter mais que uma ou duas oportunidades como essa. Infelizmente o resultado não foi o que esperávamos, mas graças a Deus fui feliz em marcar – comentou Abner.

O retrospecto em casa e a qualidade do elenco são as chaves para o Boa sair desta posição na tabela e até mesmo sonhar com a luta pela classificação. Para Abner, a reação deve começar no próximo sábado, quando recebem o Remo em sua casa.

- Sabemos que é possível reverter esta situação, nosso elenco tem qualidade e só depende da gente. Isso começa sábado jogando em casa e com todo respeito ao adversário, mas não podemos pensar em outro resultado a não ser a vitória. Infelizmente cometemos falhas bobas, mas estamos trabalhando firme para não voltar errar e buscar a recuperação com foco no G4 nesse returno – conclui o atacante.

O próximo desafio do Boa Esporte é a equipe do Remo, no próximo sábado (29), às 19h15, no estádio Municipal de Varginha.