Humanos artificiais

(Reprodução/Youtube)

LANCE!
06/01/2020
12:46
Rio de Janeiro (RJ)

A Samsung está prestes a revelar o Neon, um novo projeto voltado para inteligência artificial que ainda é um segredo mesmo dentro da companhia. A expectativa era de que a sul-coreana apenas revelasse melhorias para seu assistente virtual, o Bixby, mas o projeto parece ser bem maior.

A começar, o Neon é uma empresa à parte da Samsung, uma venture encabeçada pela companhia. Só isso já sugere mais investimentos e um escopo maior do que apenas o desenvolvimento de um projeto para o Bixby. Além disso, a própria companhia já informou pelo Twitter que não há relação entre os dois produtos.

Durante o último final de semana, usuários do Reddit descobriram alguns vídeos não listados do que podem ser peças publicitárias do Neon. Neles, há diferentes pessoas, como médicos, arquitetos e uma jornalista simplesmente falando. O que se acredita é que tais indivíduos não sejam pessoas reais, mas avatares gerados por computação gráfica. Os vídeos foram compilados pelo Good Content e apagados do canal oficial da Samsung.

Apesar de fazer mistério sobre o projeto, a Samsung já deu dicas abstratas sobre o que será o Neon. Ela descreve a ideia como um novo avanço em inteligência artificial. De acordo com o líder de desenvolvimento da tecnologia Pranav Mistry, a proposta é criar expressões para avatares digitais.

Mistry descreveu o chamado Core R3, provavelmente o sistema por trás do Neon. Os três Rs são referentes a “resposta real imediata” (reality realtime response, na sigla em inglês). De acordo com postagem do executivo no Twitter, tal tecnologia será apresentada na Consumer Electronic Show (CES) evento que acontece nesta semana em Las Vegas.

“Voando para CES amanhã [6 de janeiro] e o código está finalmente funcionando : ) Pronta para demonstrar o CORE R3. Ele pode agora criar autonomamente novas expressões, novos movimentos, novos diálogos (até mesmo em Hindi), completamente diferentes dos dados capturados originalmente”, escreveu o líder.

Assim, a expectativa é de que o Neon seja uma proposta de captação de movimentos que podem virar assets para criação de personagens virtuais, ou o que Mistry já chamou em entrevista de “humanos artificiais”. Dessa forma, seria possível gravar uma série de moimentos, sentimentos, expressões de um ator e usar o Neon para criar novas cenas sem a necessidade de mais capturas.

Atualmente, este é um problema da indústria digital, por exemplo, nos games. Como há uma série de interações possíveis, não é viável usar captura de movimentos para todas as milhares de possibilidades. Assim, há cenas principais com expressões mais reais com atores e outras, menos realistas, criadas por computador. Com o Neon, a proposta seria que tais criações fossem tão realistas quanto as diretas de captura de movimentos.

Apesar das especulações, a Samsung ainda não confirmou do que se trata o projeto. Ela tem uma conferência agendada para às 23h30 desta segunda-feira (no horário de Brasília) ainda sem dizer se que se falará do Neon ou não.

Leia a matéria no Canaltech.

Trending no Canaltech: