Fulham x Manchester United

Manchester United venceu mais uma sob o comando de Solskjaer após a saída de Mourinho (Foto: Premier League)

Alexandre Guariglia
09/02/2019
17:10
São Paulo (SP)

Após a vitória deste sábado sobre o Fulham, por 3 a 0, o Manchester United atingiu a marca de dez vitórias em 11 jogos sob o comando do técnico Ole Gunnar Solskjaer. Com Mourinho, esse número de triunfos foi atingido em 24 partidas, justamente o que durou a participação do português nesta temporada antes de ser demitido pelo clube. Em menos de dois meses à frente da equipe, o comandante norueguês mudou significativamente a perspectiva dos Red Devils em 2018/2019, que voltou a sonhar com a Liga dos Campeões.

No entanto, não é apenas o número de vitórias que mostra a diferença entre os resultados do atual e do ex-treinador. Há outros dados que escancaram a mudança do time depois da saída de José Mourinho. Dessa forma, o LANCE! traz algumas dessas estatísticas que ajudam a notar como houve uma mudança radical nessa troca de técnicos. Confira na galeria a seguir:


APROVEITAMENTO CRESCE COM SOLSKJAER

Leicester x Manchester United
Aproveitamento aumentou com Solskjaer (Foto: Reprodução)

José Mourinho dirigiu o Manchester United em 24 jogos oficiais na temporada, venceu dez, empatou sete e perdeu sete, o que resultou em um aproveitamento de 51,39% dos pontos que disputou, um número muito baixo para a grandeza do clube. Já Ole Gunnar Solskjaer completou 11 partidas oficiais, venceu dez e empatou uma. Desempenho extraordinário, que significa aproveitamento de 93,94% dos pontos disputados.

Agora, com a presença do comandante norueguês, o time melhorou os números gerais da temporada 2018/2019, passando de pouco mais de 50% de aproveitamento para quase 65%, salto enorme tanto na performance dentro de campo quanto nas estatísticas, o que deixa o United mais próximo de sua realidade que é o de brigar com as maiores potências do continente.

TOTAL
35 jogos
20 vitórias
8 empates
7 derrotas
64,76% de aproveitamento

MOURINHO
​24 jogos
10 vitórias
7 empates
7 derrotas
51,39% de aproveitamento

SOLSKJAER
11 jogos
10 vitórias
1 empate
93,94% de aproveitamento

SUBIDA NA TABELA E ZONA DE CHAMPIONS

Manchester United x Brighton
United voltou a brigar por vaga na Champions (Foto: Oli SCARFF / AFP)

Quando Mourinho deixou o clube, após a 17ª Rodada do Campeonato Inglês, O United estava na 6ª posição na tabela de classificação, 11 pontos atrás do quarto colocado,o Chelsea, o primeiro da zona de classificação para a Liga dos Campeões. Agora, sob o comando de Solskjaer, com a vitória sobre o Fulham, o time foi para o 4ª lugar da Premier League, o que lhe garante não só uma vaga no torneio continental em 2019/2020, mas também estar de volta à briga.

Ainda que os Blues vençam o Manchester City, fora de casa, neste domingo, o Manchester United ficaria na quinta posição a apenas dois pontos de entrar no G4 do Inglês, ou seja, desde a chegada do treinador norueguês, a equipe tirou uma vantagem de, no mínimo, nove pontos, e que pode chegar a 11, dependendo de como essa 26ª Rodada terminar.

COM MOURINHO
6ª posição no Campeonato Inglês a 11 pontos do 4º colocado

COM SOLSKJAER
4ª posição no Campeonato Inglês, na pior das hipóteses será o 5º colocado a 2 dois pontos da zona de classificação para a Liga dos Campeões

ATAQUE PASSA A FUNCIONAR

Solskjaer e Rashford - Manchester United
Rashford cresceu com Solskjaer (Foto: Divulgação/MUFC)

Em 24 jogos sob o comando de José Mourinho, o Manchester United marcou 38 gols. A média, de mais de um tento por jogo, parece boa, mas não comparada com os outros gigantes do continente, nem se pensarmos na qualidade dos atacantes do elenco, que conta com Rashford, Lingard, Martial, Lukaku, Alexis Sánchez, entre outros que se arriscam no setor ofensivo.

Foi só Solskjaer assumir a equipe que esses números melhoraram significativamente. Até aqui, são 28 gols em 11 partidas, mas de 2,5 por duelo. Um time que costuma fazer jogo travado, feio e não conseguia encantar no ataque, virou quase uma máquina de gols. Agora, no geral, já são 66 gols marcados na temporada em 35 jogos, média de quase dois por partida.

TOTAL
35 jogos
66 gols marcados
​1,89 gol por jogo

MOURINHO
24 jogos
38 gols marcados
​1,58 gol por jogo

SOLSKJAER
11 jogos
28 gols marcados
​2,54 gols por jogo

DEFESA SOFRENDO POUCOS GOLS

De Gea - Tottenham x Manchester United
De Gea vem fazendo a diferença na meta do United (Foto: AFP)

Mesmo com um perfil mais defensivo, o Manchester United de Mourinho sofria muitos gols, e nem mesmo De Gea, um dos melhores goleiros da atualidade, conseguia evitar que sua rede fosse balançada tantas. Em 24 partidas sob o comando do português, os Red Devils sofreram 35 tentos, média de quase 1,5 por duelo. Essa estatística que, em outras palavras, significa levar três gols a cada dois jogos, é muito alta para um clube dessa grandeza.

Com a chegada de Solskjaer, essa foi outra estatística que melhorou. Em 11 jogos até aqui, foram apenas sete gols sofridos, média de 0,64 por partida, menos da metade do que na gestão de Mourinho. Isso sem reproduzir o estilo mais 'retranqueiro' que vinha sendo comum no equipe. No geral, a média de gols sofridos diminuiu para 1,2 por jogo e deve reduzir ainda mais.

TOTAL
​35 jogos
42 gols sofridos
1,2 gol por jogo

MOURINHO
24 jogos
35 gols sofridos
1,46 por jogo

SOLSKJAER
11 jogos
7 gols sofridos
0,64 gol por jogo

ESTRELAS VOLTAM A BRILHAR

Fulham x Manchester United - Martial e Pogba
Pogba renasceu com Solskjaer (Foto: Reprodução/Twitter)

Não era segredo para ninguém que a relação entre Mourinho e Pogba não era das melhores, a 'guerra' chegou a ser aberta com declarações de ambas as partes e isso teve consequências dentro de campo. O francês, talvez o principal jogador do time não correspondia da maneira que se esperava. Enquanto era treinado pelo português, havia marcado cinco gols e era o terceiro no ranking de artilharia da equipe na temporada 2018/2019.

Com Solskjaer a 'chavinha' mudou. Desde que o norueguês passou a comandar o United, Pogba anotou oito tentos, marca significativa que o levou a liderar a lista de artilheiros do clube, ultrapassando Lukaku e Martial, que era o antigo goleador. Rashford, que tinha apenas quatro gols com Mourinho, marcou seis com o novo técnico e agora soma dez na temporada.

TOTAL
Pogba - 13 gols
Martial - 11 gols
Rashford - 10 gols
Lukaku - 9 gols
Lingard e Mata - 5 gols​

MOURINHO
Martial - 8 gols
Lukaku - 6 gols
Pogba - 5 gols
​Rashford e Mata - 4 gols
Lingard - 2 gols

SOLSKJAER
Pogba - 8 gols
Rashford - 6 gols
Lingard, Martial e Lukaku - 3 gols

BOAS PERSPECTIVAS NA LIGA DOS CAMPEÕES

Pogba - Manchester United x Bournemouth
United com novo status na Liga dos Campeões (Foto: Paul Ellis/AFP)

Apesar de se classificar para as oitavas de final da Liga dos Campeões, o Manchester United não vinha jogando bem sob o comando de José Mourinho. As perspectivas para a sequência na competição eram pessimistas. Para completar, os resultados só pioravam e o adversário sorteado para o mata-mata foi o poderoso PSG. No entanto, o treinador português caiu em seguida, depois de ser derrotado por 3 a 1 pelo Liverpool, fora de casa.

A chegada de Solskjaer e todos os elementos citados acima, mudam a história do confronto. Se o clube francês era muito favorito há dois meses, hoje as coisas parecem equilibradas, ainda mais com a lesão de Neymar, que deve estar ausente nos dois confrontos. Com a boa fase de jogadores como Pogba e Rashford, além do ataque funcionando, o otimismo e o peso da camisa agem a favor do United que passará a ser favorito ao título se atingir as quartas.

DATAS
​Manchester United x PSG - Old Trafford - 12/2 - às 18h (de Brasília)
PSG x Manchester United - Parque dos Príncipes - 6/3 - 17h (de Brasília)