Zidane foi sem dúvida um dos mais vitoriosos. Ganhou a Liga dos Campeões em 2016, 2017 e 2018, além do Mundial de Clubes de 2016 e de 2017. Também foi campeão espanhol em 2016/2017

Zidane é o novo treinador do Real Madrid (Foto: Genya Savilov / AFP)

Igor Galletti*
11/03/2019
15:25
Madri (ESP)

Nesta segunda-feira, o Real Madrid anunciou a demissão de Santiago Solari e, ao mesmo tempo, o retorno de Zinedine Zidane. Vivendo uma das fases mais conturbadas de sua história, a chegada do treinador francês pode trazer mudanças necessárias para o clube espanhol.

Conhecedor do clube, com histórico vitorioso, a chegada de Zidane pode melhorar a situação de jogadores criticados do elenco, como Marcelo e Isco, além de potencializar o interesse por Hazard. Em momento de reformulação, Bale não tem histórico positivo com o francês e a contratação do técnico pode sacramentar sua saída.

CONHECIMENTO E MENOS PRESSÃO

Zidane e Florentino Pérez - Real Madrid
Zidane é bem quisto pela diretoria merengue (Foto: Pierre-Philippe Marcou / AFP)

Ao contrário de Lopetegui e Solari, Zidane tem um alto conhecimento do Real Madrid. Como jogador, foram cinco anos de clube e, depois, como treinador, foram dois anos treinando o Real Madrid B e mais três anos vitoriosos na equipe principal. Além de tempo de casa, Zizou tem um bom relacionamento com a diretoria. Estabilidade não vai faltar, ao contrário dos treinadores anteriores. 

RETROSPECTO

2017 - Zinedine Zidane (Real Madrid)
Zizou foi extremamente vitorioso tanto como jogador quanto como treinador (Foto: Dimitar Dilkoff / AFP)

Em um dos piores momentos de sua história, o Real Madrid aposta em uma fórmula vencedora. Uma opção caseira e vitoriosa. Como treinador, Zidane comandou a equipe em 149 partidas, com 105 vitórias, 28 empates e 16 derrotas, a metade de Solari, que, em seis meses, perdeu oito.

CONTRATAÇÕES

Zidane - Real Madrid
Zidane pega o Real em fase de reformulação (Foto: Pierre-Philippe Marcou / AFP)

Quando ainda estava sem clube, Zidane foi especulado no Chelsea. Segundo a imprensa inglesa, o francês exigia ter "carta branca" comandar o departamento de futebol, principalmente em contratações. O Real Madrid vive um momento de transição e aposta em uma renovação. Além disso, tem dinheiro para gastar. Mais um trunfo para Zizou.

RENOVAÇÃO

Marcelo - Villarreal x Real Madrid
Marcelo tem boa relação com Zizou (Foto: Jose Jordan / AFP)

Zidane foi responsável por tirar o melhor dos atuais jogadores consagrados do elenco, como Modric, Marcelo, Casemiro e Sergio Ramos. Em fase ruim, a chegada do francês pode ser um alento, principalmente, para Marcelo, que vive fase conturbada e é vítima de muitas críticas. Com Zidane, o jogador pode ganhar mais um estímulo, recuperar seu futebol e permanecer.

SAÍDA DE BALE

Bale e Vázquez
Bale já teve atritos com Zidane (Foto: Reprodução)

Contestado e acusado de não ter boa relação com o elenco, Bale é um dos atletas na mira para deixar o clube. Com a saída de Cristiano Ronaldo, o galês ficou como o responsável para assumir o protagonismo, mas não o fez. Na época de Zidane, o atacante já tinha algumas rusgas com o francês. A chegada do treinador pode sacramentar sua saída.

NOVOS ESTÍMULOS

Isco - Real Madrid
Isco pode ganhar novas chances (Foto: AFP)

Isco e Asensio também também estão cotados para sair, mas por motivos diferentes. O atacante é costumeiramente especulado na Juventus, enquanto o meia teve problemas de relacionamento com Solari e, ao invés de lutar pela titularidade, se conformou com a reserva. Os dois jogadores, com Zidane, tiveram grande desempenho e eram peças coringas. Com o francês, os atletas podem ganhar um estímulo a mais.

HAZARD

Hazard garantiu o empate para o Chelsea contra o Wolverhampton
Hazard já elogiou Zidane publicamente (Foto: Reprodução)

Principal foco na janela de transferências pelo Real Madrid, Hazard, que ainda não renovou com o Chelsea, declarou que já decidiu qual vai ser o próximo passo de sua carreira. Na última janela, o belga elogiou Zidane e disse querer trabalhar com o treinador. Com a volta do francês, os Merengues ganham fôlego na disputa por um dos principais jogadores do mundo.

*sob a supervisão de Leonardo Martins