Brasil x Uruguai Sul-Americano Sub 20

Brasil está em situação delicada no hexagonal final do Sul-Americano Sub-20 (Foto: Divulgação / Twitter)

LANCE!
07/02/2019
15:49
Santiago (CHI)

O Sul-Americano Sub-20 chega a sua reta final. Nesta quinta-feira, três jogos serão realizados pela penúltima rodada do hexagonal. Os quatro primeiros garantem um lugar no Mundial da categoria. O Uruguai lidera com sete pontos.  Argentina (6) , Equador (6) e Venezuela (4) completam o top-4. O Brasil, em situação delicada, soma apenas um.

Até o momento alguns jogadores ganharam destaque na competição. Um deles é o zagueiro Bruno Méndez. O capitão uruguaio, de 19 anos, passa confiança na defesa e está muito perto de ser jogador do Corinthians. O time do defensor, Santiago Wanderers, já confirmou o acordo. Veja outros nomes importantes desta edição do Sul-Americano.

BRUNO MENDÉZ, NA MIRA DO TIMÃO

Bruno Mendez
Méndez está na mira do Corinthians (Foto: Reprodução de internet)

O zagueiro Bruno Méndez é um dos destaques do Uruguai, líder do hexagonal final do Sul-Americano sub-20. O jogador é o capitão da Celeste e domina o setor defensivo da seleção. Ele tem apenas 19 anos e atua pelo Montevideo Wanderers.

A boa participação no Sul-Americano da categoria despertou o interesse do Corinthians em seu futebol. O Timão está perto de anunciar o jovem zagueiro. O clube uruguaio já confirmou o acordo com os brasileiros, e faltam detalhes para a conclusão da transferência.

EDUARDO CAMPANA, ARTILHEIRO DO SUB-20

Eduardo Campana - EQUADOR
Campana tem quatro gols no Sul-Americano (Foto: Divulgação)

Eduardo Campana é o artilheiro do Sul-Americano sub-20, com quatro gols marcados. O jovem, de 18 anos, é jogador do Barcelona de Guaiaquil, mas ainda não estreou no time principal. Ele tem contrato até o fim do ano.

O goleador tem família de esportistas. O seu pai é ex-tenista e disputou dupla com Nicolas Lapentti na Olimpíada de 1996. Atualmente, ele é ministro do Comércio Exterior do Equador. O avô, Isidro Romero, é ex-presidente do Barcelona de Guaiaquil.

JAN HURTADO, CARRASCO DO BRASIL

Jan Hurtado - VENEZUELA
Jan Hurtado fez dois gols na Seleção Brasileira (Foto: Divulgação)

Jan Hurtado destacou-se principalmente por ter marcado dois gols sobre a Seleção Brasileira, na vitória da Venezuela por 2 a 0, já no hexagonal final. O jogador foi tratado como herói da Vinotinto pelo feito.

Hurtado já havia disputado o Sub-20 em 2017, quando a Venezuela foi a vice-campeã. Na ocasião, fez um gol e impressionou o técnico Rafael Dudamel. Atualmente, o atacante atua pelo Deportivo Táchira.

ALEXANDER ALVARADO, DESTAQUE DO EQUADOR

Alexander Alvarado - EQUADOR
Alvarado tem três gols na competição (Foto: Divulgação)

Alvarado vem sendo um dos destaque do Equador em sua campanha no Sul-Americano Sul-20. O meia já fez três gols pela seleção, que foi primeira colocada na primeira fase e está em terceiro no hexagonal final.

O jogador do Aucas fez os três gols na primeira fase da competição. Ele marcou sobre o Paraguai, Argentina e Peru.

NICOLÁS SCHIAPPACASSE, O MAESTRO URUGUAIO

Nicolás Schiappacasse - URUGUAI
Schiappacasse comandou o Uruguai contra o Brasil (Foto> Divulgação)

Schiappacasse foi o grande nome do Uruguai na vitória por 3 a 2 sobre o Brasil. O meia ditou o ritmo do jogo e foi fundamental para o triunfo, que deixou a Celeste na liderança do hexagonal final do Sul-Americano Sub-20.

Com o gol de pênalti sobre o Brasil, Nicolás Schiappacasse chegou a três na competição. O apoiador pertence ao Atlético de Madrid, mas foi emprestado na última janela de transferências ao Parma. Na primeira metade da temporada, atuou pelo Rayo Majadahonda, da Espanha.

ADOLFO GAICH, O HOMEM-GOL ARGENTINO

Adolfo Gaich - ARGENTINA
Gaich fez três gols somente na Venezuela (Foto: Divulgação)

O atacante Adolfo Gaich ganhou destaque no Sul-Americano Sub-20 ao marcar os três gols da Argentina na vitória por 3 a 0 sobre a Venezuela, no hexagonal final da competição. O jogador, de 19 anos, alternava o banco com a titularidade até esta partida, ganhando a confiança do treinador Fernando Bastista.

Gaich foi o quinto jogador argentino ao anotar um hat-trick em toda a história da competição. O jovem já vem despontando no San Lorenzo, um dos principais times do país. Ele disputou nove partidas pelo clube de Almagro no Campeonato Argentino.