Montagem Oitavas Libertadores

Arte: Marina Cardoso/Lance!

LANCE!
23/07/2019
13:12
Rio de Janeiro

O mata-mata da Copa Libertadores da América está entre nós! Nesta terça-feira, com as partidas envolvendo Cruzeiro e Palmeiras, o Brasil começa sua trajetória nas oitavas de final no torneio de clubes mais importante do continente. Athletico Paranaense, Internacional, Grêmio e Flamengo são as outras equipes verde e amarelas que restam na competição. Veja com elas e seus adversários chegam para a primeira rodada eliminatória da Liberta: 

RIVER PLATE-ARG X CRUZEIRO

Apresentação River Plate x Cruzeiro
River Plater e Cruzeiro se enfrentam nesta terça-feira, às 19h15

Após a eliminar o rival Atlético-MG nas oitavas da Copa do Brasil, e viajar à Argentina fora da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro enfrentará um River Plate com o astral melhor do que o de antes da parada para Copa América. O clube, porém, tem mostrado um rendimento muito inferior ao apresentado na fase de grupos, quando teve o segundo melhor desempenho geral. A Raposa tem ainda alguns problemas de última hora. Fred ficou em Belo Horizonte devido a uma crise de labirintite, enquanto Thiago Neves ainda não sabe se terá condições de atuar. 

Pelo lado do River Plate o volante Ponzio e o centroavante Lucas Pratto também são dúvidas. O lateral Casco e atacante Borré estão suspensos, enquanto Juan Quintero, um dos destaques do último titulo de Libertadores dos argentinos, no ano passado, rompeu os ligamentos e volta somente no próximo semestre. A equipe millonaria pode sofrer com a falta de ritmo, já que o Campeonato Argentino ainda não começou. Desde que venceu a Recopa sobre o Athletico-PR no fim de maio, o clube teve somente três jogos: duas vitórias em amistosos, e uma classificação nos pênaltis pela Copa da Argentina contra o Gimnasia de Mendoza, da segunda divisão argentina. 

GODOY CRUZ-ARG X PALMEIRAS

Apresentação Godoy x Palmeiras
Godoy Cruz e Palmeiras jogam nesta terça-feira, às 21h30

Mesmo estando na liderança do Brasileirão, o Palmeiras inicia a trajetória no mata-mata da Libertadores pressionado. Isso porque a equipe vem de uma eliminação na Copa do Brasil, não vence há três jogos, e no último sábado, interrompeu uma sequência de 33 partidas sem derrotas pelo Campeonato Brasileiro, ao ser superado pelo Ceará em Fortaleza, por 2 a 0. A fase rendeu protestos por parte da torcida. Na viagem para Argentina, a delegação paulista ainda sofreu com turbulências e arremetidas durante o voo, mas chegou em segurança. 

O momento do Godoy Cruz, adversário do Alviverde, porém, é pior. Apenas o 14º colocado no último Campeonato Argentino, que terminou em abril, a equipe precisa vencer ou a Libertadores, ou a Copa da Argentina, para estar no principal torneio do continente em 2020. Durante as férias da liga nacional, o clube da província de Mendonza tem se reforçados com jogadores de pouco renome, mas perdeu o Ángel González para o Estudiantes. O atacante era o vice-artilheiro do 'Expresso' na temporada. Mas nada perto do incidente envolvendo Luciano Pizarro. O meia de 22 colocou o time argentino nas páginas policias ao atropelar e matar uma jovem de 17 anos num acidente, há duas semanas. O jogador estava alcoolizado e foi preso, mas, posteriormente, solto mediante pagamento de fiança. 

NACIONAL-URU X INTERNACIONAL

Apresentação Nacional x Internacional
Nacional-URU x Internacional acontece na quarta=feira, às 19h15

O Internacional chega ao Uruguai depois de um empate no Beira-Rio contra o rival Grêmio, que deixou o Colorado na quinta colocação do Brasileiro. Para o duelo que inaugura a participação gaúcha no mata-mata da Libertadores deste ano, Marcelo Lomba é a principal dúvida. A novidade fica por conta da provável escalação de D'Alessandro e Patrick juntos, no time titular.

O Nacional, por sua vez, é terceiro colocado de seu grupo no Campeonato Uruguaio, que conta com 16 times divididos em dois grupos. Os Bolsos aproveitaram a pausa na competição para a Copa América para se reforçar. O clube acertou com o experiente meia-atacante Barrientos, campeão da Libertadores com o San Lorenzo em 2014, e Rodrigo Pastorini, goleador que estava no Montevideo Wanderers. Desde o retorno da liga nacional, o clube fez apenas dois jogos: uma derrota em casa para o Defensor Sporting e uma vitória fora sobre o Danubio.  

ATHLETICO PARANAENSE X BOCA JUNIORS-ARG

Apresentação Athletico x Boca Juniors
Athletico-PR x Boca Junior duelam na quarta-feira, às 21h30

Buscando o primeiro título continental, o Furacão recebe o gigante Boca Juniors, pela ida das oitavas da Libertadores, de bem com a vida. Na última quarta-feira, a equipe eliminou o Flamengo da Copa do Brasil, vem de goleada fora de casa sobre o CSA, pelo Campeonato Brasileiro - do qual é a sexta colocada, na zona de classificação para a próxima Liberta. 

O Boca, por sua vez, é mais um argentino que pode ser influenciado pela falta de ritmo de jogo. A última partida dos xeneizes foi em 2 de junho, quando perderam a final da Copa da Superliga da Argentina para o Tigres. Sem o centroavante Benedetto, vendido ao Olympique de Marselha-FRA, a novidade para o primeiro duelo contra o CAP pode ser o meia-atacante Allister, emprestado aos argentinos pelo Brighton-ING. Para a partida de volta, o clube de Buenos Aires pode ter o recém-chegado Daniele De Rossi, campeão do mundo pela Itália em 2006 e ídolo da Roma. 

EMELEC-EQU X FLAMENGO

Apresentação Emelec x Flamengo
Emelec-EQU x Flamengo acontece também na quarta, às 21h30

O Flamengo não inicia as oitavas de final da Libertadores em seu melhor momento. Eliminado nos pênaltis pelo Furacão diante de um Maracanã lotado, o elenco teve que lidar com protestos de parte da torcida no embarque para São Paulo, onde o Rubro-negro enfrentou o Corinthians pela última rodada do Brasileirão. Contra o Timão, a equipe carioca arrancou um empate em 1 a 1 no finzinho do jogo, com gol de Gabriel. No Brasileirão, o clube é o terceiro colocado, a quatro pontos dos líderes. Na partida no Equador, o time comandado pelo português Jorge Jesus não terá Everton Ribeiro, Arrascaeta e Vitinho, que nem viajaram e estão no DM.

Classificado no grupo do Cruzeiro, o Emelec, no último jogo de ambos na primeira fase, no Mineirão, foi o único que conseguiu vencer a Raposa entre as equipes da chave. O time equatoriano não faz grande campanha na liga do país banhado pelo Pacífico, onde ocupa a sétima posição. Durante a pausa para a Copa América, El Bombillo liberou jogadores encostados e reforçou o ataque e a defesa para a sequência da temporada com nomes poucos conhecidos no Brasil. 

GRÊMIO X LIBERTAD-PAR

Apresentação Grêmio x Libertad
Grêmio x Libertad-PAR acontece na quinta-feira, às 21h30

O Tricolor gaúcho ocupa a modesta 10ª colocação no Campeonato Brasileiro, mas em contrapartida, garantiu a classificação para as semifinais da Copa do Brasil, ao eliminar o Bahia na última quarta-feira. A equipe, que vem de um empate em 1 a 1 no Grenal, pelo Brasileirão, no Beira-rio, tem todos os titulares à disposição para enfrentar os paraguaios. 

O Libertad é talvez o clube em melhor fase entre os adversários dos brasileiros na Libertadores. Na primeira parte do torneio continental, a equipe foi líder de um grupo com Grêmio, Universidad Católica e Rosário Central. Recentemente,  o clube alvinegro classificou-se para a segunda fase da Copa do Paraguai com uma goleada por 8 a 2, e vem de uma sequência de cinco vitórias consecutivas na temporada. Na parada para a Copa América, o zagueiro Ortiz retornou ao Godoy Cruz, mas do mesmo clube argentino, veio Diego Vieira, que atua na mesma posição.