Russel Dias
13/01/2017
15:08
Santos (SP)

Depois do próprio Bruno Henrique admitir interesse em jogar no Santos, foi a vez do Peixe retribuir. Porém, o discurso do presidente santista, Modesto Roma Júnior, é mais moderado. 

Segundo o dirigente, a negociação está em estágio inicial e depende das condições dos alemães. Conforme o LANCE! apurou, a pedida inicial do Wolfsburg (ALE) era de 500 mil euros (R$ 1,8 milhões) para ceder o atacante de 26 anos com uma cláusula de compra obrigatória ao fim do empréstimo.

O Santos já conseguiu alterar algumas exigências, mas as duas partes não chegaram a um denominador comum.

- Vamos ver o que os alemães querem, saber se está nas nossas possibilidades. O Santos está disposto a negociar. Vamos ver o que acontece nessa negociação. Reforço nunca é o último. Não existe o ultimo, são oportunidades. Não é último nem primeiro. Começamos reforçando talvez com Thiago Ribeiro, talvez com Hernández. Importante é manter o elenco, como diz o professor Dorival Júnior - afirmou.