ginásio CT do Caju

Ginásio no CT do Caju já tem forma e não deve demorar a ser concluído. (Gazeta do Povo)

Guilherme Moreira
24/03/2016
08:25
Curitiba (PR)

Aos poucos, o Atlético-PR vai construindo um ginásio dentro do CT do Caju para receber grama sintética no local. A obra está sendo feita com material reaproveitado da reforma da Arena da Baixada para a Copa do Mundo de 2014.

Logo que teve a ideia de mudar o piso de seu estádio, entre 2012 e 2013, a cúpula rubro-negra tinha em mente construir um ou dois campos para treinamentos do dia a dia, tanto do profissional quanto da categoria de base. Apesar da durabilidade e poder treinar no gramado de jogo, o Furacão queria ter esse tipo de grama em seu Centro de Treinamento até pela logística.

O presidente Luiz Emed Sallim, recentemente, havia comentado que não tinha pressa para essa construção no local. Porém, o jornalista Napoleão de Almeida obteve fotos do ginásio com exclusividade e o jornal Gazeta do Povo reproduziu na quarta-feira. 

- Todo aproveitamento foi de uma forma inteligente. Na época, a Fifa não aceitou que já fosse o sintético, por que era diferente. Então tivemos que comprar um monte de equipamentos para aquela demanda. Agora não dava pra insistir nisso - comentou o mandatário rubro-negro.

O projeto foi idealizado ainda no Mundial e teve o apoio da Fifa na época, que prometeu U$S 100 milhões para aplicação em futebol de base e feminino à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) - entretanto, apenas US$ 8,7 milhões foram recebidos de 2014 pra cá. O Atlético-PR investiu aproximadamente R$ 4 milhões para a troca do gramado na Arena, incluindo a obra que está sendo feita no CT.

A medida não será do tamanho de um campo oficial de jogo, como é no estádio do Furacão. Entretanto, o piso será da mesma categoria de grama sintética usada nos jogos do clube paranaense nas competições oficiais.

Inédita na elite do futebol brasileiro, a grama sintética na Arena da Baixada foi inaugurada no dia 24 de fevereiro, há um mês, no duelo contra o Criciúma, pela Primeira Liga. A adaptação dos atletas nos quatro duelos realizados do novo gramado tem sido bem satisfatória, com os jogadores elogiando o tipo de piso até o momento.